Get Adobe Flash player

Velocidade no Asfalto

O fim de semana foi de muita disputa e conquistas em Cascavel (PR), onde foram realizadas as provas da 7ª etapa do Metropolitano de Curitiba e 3ª etapa do Paranaense de Velocidade no Asfalto 2016, realizada no Autódromo Zilmar Beux, no Oeste do Paraná. As etapas foram disputadas nas categorias Marcas “A” e “B”, Turismo 1.6 “I” e “C”, Marcas “L” e Turismo 5000, com promoção e organização do Automóvel Clube de Cascavel e supervisão da Federação Paranaense de Automobilismo (FPrA). Os Campeões do Paranaense de Velocidade 2017 foram: Gustavo Magnabosco (Marcas “A”), Rafael Barranco (Marcas “B”), Lucas Inoue/Márcio Ymagava (Turismo 1.6) e Anderson Andrade (Turismo 5000). No Metropolitano de Curitiba, dois pilotos foram campeões por antecipação: Gustavo Magnabosco (Marcas “A”) e Rafael Barranco (Marcas “B”), As demais serão decididas na última etapa no início de dezembro.

 

GRIDS DE LARGADA – Durante os treinos classificatórios que definiram os grids de largada, os cinco primeiros por categoria foram: MARCAS “A” – 1º) Gustavo Magnabosco (SC), 1m17s779; 2º) Edgar Favarin/Odair dos Santos (PR), 1m17s909; 3º) Thiago Klein (PR), 1m18s013; 4º) Paulo Bento (PR), 1m18s034; e 5º) Ruslan Carta Filho/Andrei Carta (PR), 1m18s129. MARCAS “B” – 1º) Caio Carvalho (PR), 1m18s096; 2º) Edson Bueno (PR), 1m18s403; 3º) Rafael Barranco (PR), 1m18s971; 4º) Alisson Nurnberg/João Naumes (PR), 1m19s500; e 5º) Eduardo Pavelski (PR), 1m19s522. TURISMO 1.6 “I” – 1º) Alexandre Frankenberger/Rafael Lupatini (PR), 1m20s231; 2º) André Conti (PR), 1m20s812; 3º) Karl Raucher (SC), 1m21s812; 4º) Marcos Cortina (PR), 1m21s821; e 5º) Rômulo Molinari (PR), 1m23s852. TURISMO 1.6 “C” – 1º) Lucas Inoue/Márcio Ymagava (PR), 1m19s624; 2º) Beto Baú/Rodrigo Kostin (PR), 1m20s382; 3º) Caio Botelho/Adriano Botelho (PR), 1m21s047; 4º) José Cavassin (PR), 1m21s212; e 5º) Gerson Turek (PR), 1m21s849. MARCAS “L” – 1º) Rafael Colombari (PR), 1m21s406. TURISMO 5000 – 1º) Armin Kliewer (PR), 1m15s933; 2º) Anderson Andrade (PR), 1m16s527; 3º) Marco Antonio Garcia (PR), 1m16s591; 4º) Maurício Reuter (SC), 1m17s142; e 5º) Richard Heidrich (PR), 1m17s602.

 

MARCAS – A primeira corrida das categorias Marcas “A” e “B”, com início às 14h10 do sábado, reuniu 29 participantes, que realizaram uma prova muito disputada, com bons “pegas” em vários pontos da pista. Na largada, o pole position Gustavo Magnabosco manteve a liderança, seguido de perto por Edgar Favarin, Thiago Klein, Paulo Bento, Caio Carvalho e Ruslan Carta Filho. O Safety Car teve que intervir logo na primeira volta da prova para a retirada da carros acidentados, o de Paulo Costa e Wyllian Cezzarotto. Na relargada as posições permaneceram inalteradas, sempre com Gustavo Magnabosco, Edgar Favarin, Thiago Klein e Paulo Bento nas quatro primeiras posições. Após 23 voltas de corrida, a vitória na Geral e na Marcas “A” foi de Gustavo Magnabosco, com tempo total de 33m13s129, seguido de Thiago Klein, a 2s619; Edgar Favarin, a 6s068; Paulo Bento, a 6s443; Edoli Caus Jr, a 11s339; e Ruslan Carta Filho, a 18s931. Na Marcas “B”, venceu Edson Bueno, com tempo de 33m23s306, com Caio Carvalho em segundo, a 1s553; Rafael Barranco em terceiro, a 14s464; Marcelo Beux em quarto, a 21s806; Eduardo Pavelski em quinto, a 24s026; e Alisson Nurnberg em sexto, a 27s273.

Na segunda corrida das categorias Marcas “A” e “B”, realizada às 10h50 de domingo, Gustavo Magnabosco manteve a liderança na largada, seguido de perto por Thiago Klein, Paulo Bento, Odair dos Santos, Edson Bueno e Edoli Caus Jr. Na quinta volta, Thiago Klein ultrapassou Gustavo Magnabosco e assumiu a liderança da prova, deixando a “briga” pela segunda posição entre Magnabosco e Paulo Bento, que passaram a travar bom duelo, por boa parte da prova. Porém, na 20ª volta, Magnabosco ultrapassou Klein e reassumiu a liderança, mas a “briga” foi até a bandeirada final. Depois de 25 voltas, nova vitória de Gustavo Magnabosco na Geral e na Marcas “A”, com tempo de 32m45s931, vindo a seguir Thiago Klein, a 0s359; Paulo Bento, a 4s108; Edoli Caus Jr, a 7s480; Leandro Zandona, a 10s661; e Andrei Carta, a 11s773. Na Marcas “B”, Edson Bueno venceu novamente, com tempo de 32m50s221, tendo Caio Carvalho em segundo, a 5s559; Rafael Barranco em terceiro; a 6s799, João Naumes em quarto, a 7s287; Samurai Sam em quinto, a 15s105; e Gefferson de Lima em sexto, a uma volta. A volta mais rápida das duas provas disputadas foi de Leandro Zandona, na segunda corrida, com o tempo de 1m17s443, à média de 142,154 km/h.

Somados os pontos das provas disputadas, o resultado final por categoria foi o seguinte: MARCAS “A” – 1º) Gustavo Magnabosco, 41 pontos – Campeão; 2º) Thiago Klein, 30; 3º) Paulo Bento, 22; 4º) Edoli Caus Jr, 18; 5º) Rulan Carta Filho/Andrei Carta, 12; 6º) Edgar Favarin/Odair dos Santos, 12. MARCAS “B” – 1º) Edson Bueno, 40; 2º) Caio Carvalho, 31, 3º) Rafael Barranco, 24 – Campeão; 4º) Alisson Nurnberg/João Naumes, 16; 5º) Marcelo Beux, 13; e 6º) Samurai Sam, 8.

 

TURISMO 1.6/MARCAS “L” – Às 15h10 de sábado, foram para a pista as categorias Tursimo 1.6 “I” e “C” e Marcas “L”, com 16 participantes, para a primeira corrida que foi muito movimentada, com bons “pegas” entre os pilotos. Na largada Lucas Inoue manteve a liderança, seguido de perto de Beto Baú, André Conti, Caio Botelho, Rafael Lupatini e José Cavassin. Com Lucas Inoue disparando na liderança, a “briga” pela segunda, terceira e quarta posições ficou entre Marcos Cortina, Caio Botelho, André Conti, Rafael Lupatini e Beto Baú. Ao fim de 25 voltas, a vitória na Geral e na Turismo 1.6 “C” foi de Lucas Inoue, com tempo de 33m58s331, seguido de Caio Botelho, a 6s525; Beto Baú, a 29s399; José Cavassin, a 56s105; Gerson Turek, a 58s394; e Duda Weirich, a 1min14s861. Na Turismo 1.6 “I”, venceu Marcos Cortina, com tempo de 33m59s878, com André Conti em segundo, a 19s415; Rafael Lupatini em terceiro, a 20s081; Karl Raucher em quarto, a 26s355; e Rômulo Molinari em quinto, a uma volta. E na Marcas “L” vitória de Rafael Colombari, com 15 voltas em 20m41s160.

A última prova de domingo foi a das categorias Turismo 1.6 “C” e “I” e Marcas “L”, às 12h40, hora com pista molhada e hora com pista seca, mas com boas disputas entre os pilotos. Márcio Ymagava manteve a primeira posição na largada, seguido de Marcos Cortina, André Conti, Alexandre Frankenberger, Adriano Botelho e Rodrigo Kostin. Na segunda passagem Alexandre Frenkenberger assumiu a liderança da prova para não mais perdê-la. Na sexta volta, o Safety Car foi para a pista para a pista, até que o carro de José Cavassin que sofreu acidente fosse retirado. Após 23 voltas, a vitória na Geral e na Turismo 1.6 “I” foi de Alexandre Frankenberger, com tempo de 34m14s631, seguido de André Conti, a 16s179; Marcos Cortina, a 24s224; Demétrio Tonon, a 40s064; Karl Raucher, a 42s710; e Rômulo Molinari, a uma volta. Na Turismo 1.6 “C” venceu Márcio Ymagawa, com tempo de 34m25s324, tendo Rodrigo Kostin em segundo, a 5s418; Adriano Botelho em terceiro, a 13s539; Gerson Turek em quarto, a 29s486; Rafael Lupatini em quinto, a 30s325; e Duda Weirich em sexto, a uma volta. E na Marcas “L”, vitória de Rafael Colombari, com 23 voltas em 34m25s324. Marcos Cortina marcou a volta mais rápida das provas disputadas, na segunda corrida, com o tempo de 1m19s942, à média de 137,710 km/h.

Somados os pontos das baterias disputadas, a classificação final da Turismo 1.6 por categoria foi a seguinte: TURISMO 1.6 “C” – 1º) Lucas Inoue/Márcio Ymagawa, 41 pontos; 2º) Beto Baú/Rodrigo Kostin, 27; 3º) Caio Botelhp/Adriano Botelho, 27; 4º) Gerson Turek, 18; 5º) Antonio Carvalho/Rafael Lupetini, 12; 6º) Duda Weirich, 12. TURISMO 1.6 “I” – 1º) Rafael Lupatini/Alexandre Frankenberger, 33; 2º) Marcos Cortina, 32; 3º) André Conti, 30; 4º) Karl Raucher, 18; 5º) Rômulo Molinari, 14. MARCAS “L” – 1º) Rafael Colombari, 21.

 

TURISMO 5000 – Reunindo seis carros em seu grid, a categoria Turismo 5000 foi para a pista às 16h35, para a sua primeira corrida de 20 minutos mais duas voltas. Na largada, o pole position Armin AKliewer manteve a liderança, seguido de perto por Anderson Andrade, Marco Antonio Garcia, Maurício Reuter e Richard Heidrich. Na quarta volta, Maurício Reuter ultrapassou Marco Garcia, assumindo o terceiro lugar, e duas voltas após, Márcio Reuter também passou Marco Garcia, assumindo o quarto lugar. Depois de 18 voltas, vitória de Armin Kliewer, com tempo total de 23m15s223, com Anderson Andrade em segundo, a 5s605; Maurício Reuter em terceiro, a 7s445; Marcio Reuter em quarto, a 8s133; Marco Antono Garcia em quinto, a 8s418; e Richar Heidrich em sexto, a 18s773.

E na segunda corrida da Turismo 5000, como a largada é com o grid invertido, do resultado da corrida anterior, Richard Heidrich largou na pole position e manteve a posição na primeira volta. Porém, na segunda passagem foi superado por Marco Antonio Garcia e seguido de perto por Anderson Andrade e Armin Kliewer. Na sexta volta, Armin assumiu a segunda posição e passou a pressionar o líder Garcia, que perdeu a posição na 12ª passagem. Ao fim de 18 voltas, vitória de ArminKliewer, com tempo total de 23m39s181, seguido de Marco Antonio Garcia, a 1s720; Anderson Andrade, a 5s374; Richard Heidrich, a 10s023; Márcio Reuter, a 12s262; e Maurício Reuter, a 13s186. A volta mais rápida da prova foi de Armin Kliewer marcou, na segunda corrida, com tempo de 1m15s996, à média de 144,860 km/h.

Somados os pontos das duas provas disputadas, a classificação final da Turismo 5000 foi a seguinte: 1º) Armin Kliewer, 41 pontos; 2º) Anderson Andrade, 27; 3º) Marco Antonio Garcia, 23, 4º) Márcio Reuter, 18; 5º) Maurício Reuter, 18; e 6º) Richard Heidrich, 16.

A oitava e última etapa do Metropolitano de Curitiba de Velocidade 2017 está marcada para os dias 1º, 2 e 3 de dezembro, no Autódromo Internacional de Curitiba (AIC), num Racing Day, com etapas do Paranaense de Motovelocidade, Sprint Race e Copa Truck junto ao evento.

A categoria Turismo teve um bom grid e belas disputas em Cascavel

A categoria Turismo teve um bom grid e belas disputas em Cascavel

A Turismo 5000 chamnou a atenção dos oestinos pela potencial dos motores

A Turismo 5000 chamnou a atenção dos oestinos pela potencial dos motores

A categoria Marcas viveu clima de decisão da primeira a última volta

A categoria Marcas viveu clima de decisão da primeira a última volta

CASCAVEL (PR) – O Campeonato Metropolitano de Marcas de Cascavel, encerrado domingo, no Autódromo Zilmar Beux, foi dos mais equilibrados dos últimos 10 anos. Como era esperado, os campeões das categorias Marcas A e Marcas B só foram conhecidos na segunda prova da 8ª e última etapa. Thiago Klein, na categoria Marcas A, e Caito Carvalho, na Marcas B, foram os campeões.

Thiago Klein ganhou as duas provas da categoria Marcas A e garantiu o titulo, tornando-se tricampeão. Paulo Bento foi o segundo colocado e garantiu o vice-campeonato. Também no domingo ele comemorou o vice-campeonato no Campeonato Paranaense. Edoli Caus foi o terceiro colocado na prova e o terceiro no campeonato.

Já na categoria Marcas B, a vitória foi do curitibano Edson Bueno, mas com o segundo lugar o cascavelense Caito Carvalho se sagrou campeão. Em terceiro chegou a dupla Cleves Formentão/Gabriel Formentão ao passo que o quarto foi Marcelo Beux, posição que lhe garantiu o título de vice-campeão.

Na categoria Turismo 1.600 I, vitória de Marco Cortina, que subiu para esta categoria na etapa anterior. O campeão antecipada foi Gabriel Formentão, que após garantir o título optou por passar a competir na categoria Marcas B já na atual temporada. Na categoria Turismo 1.600 C, vitoria de Eduardo Weirich, campeão antecipado.

A final do Campeonato Metropolitano de Marcas de Cascavel teve promoção e organização do Automóvel Clube de Cascavel, supervisão da Federação Paranaense de Automobilismo (FPrA), e apoio da Pirelli, Bana Pneus, Rodas Scorro e hotéis Caiuá e Harbor.

 

Resultados da 8ª etapa do Metropolitano de Marcas de Cascavel

Categoria Marcas A

1º) Thiago Klein (Cascavel), com 40 pontos

2º) Paulo Bento (Cascavel), 27

3º) Edoli Caus (Cascavel), 22

4º) Odair dos Santos/Edgar Favarin (Cidade de Leste/Cascavel), 16

5º) Guilherme Salas (São Paulo), 16

6º) Leandro Zandoná/Paulo Pizzoni (Cascavel), 14

7º) Marcel Sedano/Valmor Emílio Weiss (Porto União (SC)/Curitiba), 6

8º) Miguel Laste (Toledo), com 3 pontos

 

Categoria Marcas B

1º) Edson Bueno (Curitiba), com 40 pontos

2º) Caio Carvalho (Cascavel), 31

3º) Cleves Formentão/Gabriel Formentão (Cascavel), 22

4º) Marcelo Beux (Cascavel), 22

5º) Wyllian Cezarotto (Cascavel), com 8 pontos

 

Categoria Turismo 1.600 I (Injetado)

1º) Marcos Cortina (Cascavel), com 41 pontos

 

Categoria Turismo 1.600 C (/Carburado)

1º) Eduardo Weirich (Marechal Cândido Rondon), com 41 pontos

2º) Luciano Cortina (Cascavel), com 30 pontos

………………………………………………………………………………………………………….

Thiago Klein sagrou-se tricampeão da categoria Marcas A no Metropolitano de Marcas de Cascavel

Thiago Klein sagrou-se tricampeão da categoria Marcas A no Metropolitano de Marcas de Cascavel

Caito Carvalho é o campeão da categoria Marcas B

Caito Carvalho é o campeão da categoria Marcas B

Crédito das fotos: Victor Lara/Divulgação

………………………………………………………………………………………………………….

CASCAVEL (PR) – Sem surpresas, foram conhecidos os quatro campeões do Campeonato Paranaense de Velocidade. A 3ª e ultima etapa da temporada foi disputada sábado e ontem (domingo), no Autódromo Zilmar Beux, em Cascavel. Foram duas provas equilibradas em cada uma das categorias Marcas A, Marcas B, Turismo e Turismo 5000.

Na categoria Marcas A, Gustavo Magnabosco venceu as duas provas da etapa de Cascavel e confirmou o título, tornando-se tricampeão (2013, 2016 e 2017). O cascavelense Thiago Klein foi o segundo colocado, seguido de Paulo Bento (Cascavel), Edoli Caus Júnior (Cascavel) e Andrei Carta/Ruslan Carta (Curitiba). Com o terceiro lugar, Paulo Bento se sagrou vice-campeão e a dupla Andrei Carta/Ruslan Carta ficou coma  terceira colocação.

Na categoria Marcas B, a vitória em Cascavel foi do curitibano Edson Bueno, com Caio carvalho (Cascavel) em segundo e Rafael Barranco (Curitiba) em terceiro. Com o terceiro lugar, Rafael Barranco, que liderou o campeonato do começo ao fim, garantiu o título. O domínio foi dos curitibanos, com Edson Bueno em segundo e a dupla João Paulo Naunes/Alisson Nurnberg em terceiro.

A vitória na categoria Turismo foi a dupla Márcio Ymagava/Lucas Inoue, de Londrina. A segunda colocação foi da dupla Rodrigo Kostin/Roberto Baú, de Curitiba, ao passo que Caio Botelho/Adriano Botelho, de Londrina, se classificou em terceiro. Com a vitória em Cascavel, Imagava e Inoue conquistou o título, ficando em segundo Rodrigo Kostin/Roberto Baú e em terceiro Adriano Botelho/Caio Botelho.

Já na categoria Turismo 5000, cujos participantes são todos de Curitiba, Armin Kliever conquistou a vitória, tendo Anderson Andrade em segundo e Marco Antonio Garcia em terceiro. Anderson Andrade sagrou-se campeão, com Armin Kliewer vice-campeão e Marco Antonio Garcia em terceiro.

As finais do Campeonato Paranaense de Velocidade e do Campeonato Metropolitano de Marcas de Cascavel tiveram promoção e organização do Automóvel Clube de Cascavel, supervisão da Federação Paranaense de Automobilismo (FPrA), e apoio da Pirelli, Bana Pneus, Rodas Scorro e hotéis Caiuá e Harbor.

 

Resultados da etapa de Cascavel

Categoria Marcas A

1º) Gustavo Magnabosco (Curitiba), com 41 pontos

2º) Thiago Klein (Cascavel), 30

3º) Paulo Bento (Cascavel), 22

4º) Edoli Caus Junior (Cascavel), 18

5º) Andrei Carta/Ruslan Carta (Curitiba), 12

6º) Odair dos Santos/Edgar Favarin (Cascavel), 12

7º) Leandro Zandoná/Paulo Pizzoni (Cascavel), 8

8º) Gustavo Dal Pizzol (Curitiba), 5

9º) Guilherme Salas (São Paulo), 4

10º) Eduardo Berlanda (Curitiba), 4

11º) Richard Heidrich (Curitiba), 2

12º) Davi Dal Pizzol (Curitiba), 1

13º) Rafael Bastos (Curitiba), com 1 ponto

 

Categoria Marcas B

1º) Edson Bueno (Curitiba), com 40 pontos

2º) Cario Carvalho (Cascavel), 31

3º) Rafael Barranco (Curitiba), 24

4º) João P. Naunes/Alissson Nurnberg (Curitiba), 16

5º) Marcelo Beux (Cascavel), 13

6º) Gefferson Lima (Curitiba), 10

7º) Cleves Formentão/Gabriel Formentão (Cascavel), 10

8º) Eduardo Pavelski (Curitiba), 8

9º) Samurai Sam (Curitiba), 4

10º) Guto Baldo/Wilians Peres (Curitiba), 3

11º) Wyllian Cezzarotto (Cascavel), com 2 pontos

 

Categoria Turismo

1º) Márcio Ymagava/Lucas Inoue (Londrina), com 41 pontos

2º) Rodrigo Kostin/Roberto Baú (Curitiba), 27

3º) Caio Botelho/Adriano Botelho (Londrina), 27

4º) Gerson Turek (Curitiba), 18

5º) Adriano Carvalho/Rafael Lupatini (Curitiba), 12

6º) Duda Weirich (Marechal Cândido Rondon), 12

7º) José Luís Cavassin (Curitiba), 10

8º) Luciano Cortina, (Cascavel), 7

9º) Milton Vieira (Curitiba), com 5 pontos

 

Categoria Turismo 5000

1º) Armin Kliever (Curitiba), com 41 pontos

2º) Anderson Andrade (Curitiba), 27

3º) Marco Antonio Garcia (Curitiba), 23

4º) Márcio Reuter (Curitiba), 18

5º) Maurício Reuter (Curitiba), 18

6º) Richard Heidrich (Curitiba), com 16 pontos

………………………………………………………………………………………………………….

Gustavo Magnabosco dominou a etapa de Cascavel e garantiu o título da temporada, sagrando-se tricampeão paranaense

Gustavo Magnabosco dominou a etapa de Cascavel e garantiu o título da temporada, sagrando-se tricampeão paranaense

Rafael Barranco ganhou o titulo da categoria Marcas B já na temporada de estreia

Rafael Barranco ganhou o titulo da categoria Marcas B já na temporada de estreia

Com a vitória em Cascavel, a dupla Márcio Imagava/Lucas Inoue virou o jogo e conquistou o título da categoria Turismo

Com a vitória em Cascavel, a dupla Márcio Imagava/Lucas Inoue virou o jogo e conquistou o título da categoria Turismo

Anderson Andrade garantiu o título da categoria Turismo 5000 por um ponto

Anderson Andrade garantiu o título da categoria Turismo 5000 por um ponto

Crédito das fotos: Victor Lara/Divulgação

………………………………………………………………………………………………………….

CASCAVEL (PR) – O Autódromo Zilmar Beux, em Cascavel, no Paraná, terá amanhã (sábado) as primeiras provas decisivas do Campeonato Paranaense de Velocidade, nas categorias Marcas A, Marcas B, Turismo e Turismo 5000; e do Metropolitano de Marcas de Cascavel, nas categorias Marcas A e Marcas B. As categorias Turismo 1.600 I e Turismo 1.600 C no Metropolitano de Cascavel tiveram seus campeões definidos na etapa anterior.

As provas de amanhã são fundamentais para aqueles que estão na briga por títulos. Não pontuar significa dar adeus a disputa nas provas de domingo. No Paranaense, Gustavo Magnabosco, Ruslan Carta Filho/Andrei Carta e Paulo Bento estão na luta pelo título. Na categoria marcas B a disputa está entre Rafael Barranco, Edson Bueno e João Paulo Naumes/Alisson Nurnberg. A categoria Turismo tem Rodrigo Kostin/Roberto Baú, Márcio Ymagava/Lucas Inoue, Roberto Bonato/Evandro Maldonado, Adriano Botelho/Caio Botelho e José Carlos Pederneiras na disputa. O titulo da Turismo 5000 esta entre Anderson José C. de Andrade, Armin Kliewer e Marco Antonio Ortega Garcia.

No Metropolitano de Cascavel, Paulo Bento, Thiago Klein e Edoli Caus travam acirrado duelo pelo titulo da categoria Marcas A, enquanto que na categoria Marcas B a disputa é entre Caio Carvalho/Felipe Carvalho e Marcelo Beux.

As finais do Campeonato Paranaense de Velocidade e do Campeonato Metropolitano de Marcas de Cascavel terá promoção e organização do Automóvel Clube de Cascavel, supervisão da Federação Paranaense de Automobilismo (FPrA), e apoio da Pirelli, Bana Pneus, Rodas Scorro e hotéis Caiuá e Harbor.

 

Programação para sábado – Dia 07/10/2017

08:15 às 08:45 5º – Treino Livre – Marcas A e B

08:50 às 09:20 5º – Treino Livre – Turismo I e C e Marcas L

09:25 às 09:55 1º – Treino Classificatório – Motovelocidade

10:00 às 10:30 1º – Treino Livre – Turismo 5000

10:35 às 10:50 – Tomada de Tempo – Marcas A e B

10:55 às 11:10 – Tomada de Tempo – Turismo I e C e Marcas L

11:15 às 11:45 – 2º Treino Classificatório – Motovelocidade

11:50 às 12:05 – Tomada de Tempo – Turismo 5000

13:15 às 13:45 – 3º Treino Classificatório – Motovelocidade

1ª Prova – Marcas A e B

14:10 – Largada (30 minutos + 2 voltas)

1ª Prova – Turismo I e C e Marcas L

15:10 – Largada (30 minutos + 2 voltas)

15:50 às 16:10 – Tomada de Tempo – Motovelocidade

16:35 – Largada (20 minutos + 2 voltas)

 

Programação para domingo – Dia 08/10/2017

08:30 às 08:40 – Warm Up – Motovelocidade

08:45 às 09:00 – Warm Up – Marcas A e B

09:05 às 09:20 – Warm Up – Turismo 5000

09:25 às 09:40 – Warm Up – Turismo I e C e Marcas L

Prova – Motovelocidade

10:05 – Largada (1 volta de apresentação + 16 voltas)

2ª Prova – Marcas A e B

10:50 – Largada (30 minutos + 2 voltas)

2ª Prova – Turismo 5000

11:50 – Largada (20 minutos + 2 voltas)

2ª Prova – Turismo I e C e Marcas L

12:40 – Largada (30 minutos + 2 voltas)

13:20 – Pódio de todas as categorias.

………………………………………………………………………………………………………….

O catarinense Gustavo Magnabosco pode comemorar amanhã o tricampeonato paranaense de Marcas A

O catarinense Gustavo Magnabosco pode comemorar amanhã o tricampeonato paranaense de Marcas A

O cascavelense Paulo Bento luta pelo título da categoria Marcas A no Paranaense e no Metropolitano de Cascavel

O cascavelense Paulo Bento luta pelo título da categoria Marcas A no Paranaense e no Metropolitano de Cascavel

O curitibano Rafael Barranco pode ser campeão paranaense da categoria Marcas B em sua temporada de estrreia

O curitibano Rafael Barranco pode ser campeão paranaense da categoria Marcas B em sua temporada de estrreia

Crédito das fotos: Victor Lara/Divulgação

………………………………………………………………………………………………………….

CASCAVEL (PR) – O Campeonato Paranaense de Velocidade chega ao fim neste fim de semana, em Cascavel, quando serão conhecidos os campeões das categorias Marcas A, Marcas B, Turismo e Turismo 5000. As provas serão sábado e domingo e serão Open da 31ª Cascavel de Ouro, que será disputada no dia 5 de novembro, premiando a dupla ou trio que vencer com um troféu em ouro puro e mais R$ 100 mil.

Na briga pelos títulos, Gustavo Magnabosco busca o tricampeonato.
A dupla Ruslan Carta/Andrei Carta e Paulo Bento terão a missão de impedir o sucesso de Magnabsco.

Na categoria Marcas B, Rafael Barranco chega à decisão invicto, uma vez que ganhou as quatro provas disputadas nas etapas de Curitiba e Londrina. Seus adversários na luta pelo título são Edson Bueno e a dupla João Paulo Naumes/Alisson Nurnberg.

A categoria Turismo terá uma decisão imprevisível. Aplicando o descarte, entram na pista em condições de igualdade na luta pelo título os pilotos Rodrigo Kostin/Roberto Baú, Márcio Ymagava/Lucas Inoue, Roberto Bonato/Evandro Maldonado, Adriano Botelho/Caio Botelho e José Carlos Pederneiras.

Já na categoria Turismo 5000, Anderson Andrade luta por seu primeiro título. Para isso ele precisa superar Armin Kliewer, Marco Antonio Ortega Garcia e Richard Anthony Heidrich.

 

Classificação do Paranaense de Velocidade (sem descartes)

Categoria Marcas A

1º) Gustavo Magnabosco, com 68

2º) Ruslan Carta Filho/Andrei Carta, 63

3º) Paulo Bento, 51

4º) Richard Heidrich, 36

5º) Márcio Ymagava/Lucas Inoue, 30

6º) Edoli Caus Júnior, 27

7º) Adriano Barbosa, 22

8º) Marcel Sedano, 21

9º) Algacir Sermann Filho/Rodrigo Tassi, 18

Carlos Bana/Jair Bana, 18

11º) Davi Dal Pizzol, 17

12º) Andre Bragantini Júnior, 13

13º) Davi Dal Pizzol/Michel Giusti, 10

14º) Thiago Klein, 9

Gilmar Gobetti de Souza, 9

José Guilherme Munhoz, 9

17º) Paulo Pizzoni, 4

César Bonilha, 4

Luiz Mendes/Anderson Garcia, 4

20º) Leandro Zandoná, 3

André Luis Jacob, 3

Augusto Baldo Neto, com 3 pontos

 

Categoria Marcas B

1º) Rafael Barranco, com 87 pontos

2º) Edson Bueno, 54

3º) João Paulo Naumes/Alisson Nurnberg, 40

4º) Eduardo Marqueto Pavelski, 37

5º) Gefferson Luis de Lima, 36

6º) Wilians Jeferson Peres, 31

7º) Caio Cezar Carvalho, 26

8º) Lúcio Seidel, 21

9º) Marcelo Beux, 17

10º) Osvaldo Teiji Otaguiri, 15

11º) Edson Massaro/Lorenzo Massaro, 10

12º) Anderson Portes, 9

13º) Felipe Braz/Roney Ribeiro Mendes, 7

Luciano Monteiro, 7

15º) Felipe Carvalho, 6

16º) Samir Guimarães/Adriano Braz, 5

17º) Gilberto Borges Filho, 4

Odair dos Santos, 4

18º) Valter de Souza Júnior, 3

Diego Pardo/André Pardo, com 3 pontos

 

Categoria Turismo

1º) Rodrigo Kostin/Roberto Baú, com 60 pontos

2º) Márcio Ymagava/Lucas Inoue, 54

3º) Roberto Bonato/Evandro Maldonado, 50

4º) Adriano Botelho/Caio Botelho, 45

5º) José Carlos Pederneiras, 40

6º) José Luís Cavassin, 30

7º) Luiz Cesar Ferreira/Rodrigo Luís Tassi, 28

8º) Marcos Romera/Werner Foncatti Berveglieri, 23

9º) Rafael Lupatini/Antonio Carvalho, 20

10º) Geovane Ciesielski, 19

11º) Edson Luiz Campana Sita, 13

12º) Romulo Lazzari Molinari, 10

13º) Geison Eduardo Tureck, 8

14º) Milton Borges Vieira, 7

15º) Marcelo Cordeiro, 4

16º) Adriano Barbosa, 3

Kelston Kredens/Octavio de Oliveira, 3

James Schwerdtner, 3

Nilton da Silva/César Augusto Queiroz Fior, com 3 pontos

 

Categoria Turismo 5000

1º) Anderson José C. de Andrade, com 68 pontos

2º) Armin Kliewer, 63

3º) Marco Antonio Ortega Garcia, 58

4º) Richard Anthony Heidrich, 40

5º) Wanderlei Antonio Berlanda, 30

6º) Márcio Reuter, 28

7º) Rubens Abrahams Kliewer, 21

8º) Maurício Reuter, com 18 pontos

………………………………………………………………………………………………………….

Paulo Bento e Gustavo Magnabosco travaram acirrado duelo pela vitória na categoria Marcas A em Londrina, vencido por Bento

Paulo Bento e Gustavo Magnabosco travaram acirrado duelo pela vitória na categoria Marcas A em Londrina, vencido por Bento

Os irmãos Ruslan e Andrei Carta estão na briga pelo título da categoria Marcas A

Os irmãos Ruslan e Andrei Carta estão na briga pelo título da categoria Marcas A

Rafael Barranco estreou neste ano na categoria Marcas B e já luta pelo título

Rafael Barranco estreou neste ano na categoria Marcas B e já luta pelo título

A dupla Rodrigo Kostin/Beto Baú lidera a categoria Turismo sem descartes

A dupla Rodrigo Kostin/Beto Baú lidera a categoria Turismo sem descartes

Anderson Andrade busca seu primeiro titulo na Turismo 5000

Anderson Andrade busca seu primeiro titulo na Turismo 5000

Crédito das fotos: Victor Lara/Divulgação

………………………………………………………………………………………………………….

CASCAVEL (PR) – O Campeonato Metropolitano de Marcas de Cascavel de 2017 chega ao fim neste fim de semana, quando será disputada a 8ª etapa no Autódromo Zilmar Beux. É a final mais equilibrada dos últimos 10 anos.

Na categoria Marcas A, a decisão é entre Paulo Bento, Thiago Klein e Edoli Caus Júnior. Para a definição da classificação final, cada competidor descarta os quatro piores resultados das 16 provas disputadas em oito etapas. Sem os descartas, Paulo tem 235 pontos; Klein, 202; e Caus, 196. Aplicado os descartes, a classificação fica assim: 1º) Paulo Bento, 189; 2º Thiago Klein, 184; e 3º) Edoli Caus Júnior, com 184 pontos. Desta forma a decisão está na base de quem chegar à frente dos três. Mas outro detalhe pode interferir. Na última prova do ano, a pontuação tem o acréscimo de 50%. Assim, cada bateria dará 30 pontos ao vencedor. Serão 60 pontos em jogo neste fim de semana.

Já na categoria Marcas B, sem os descartes, a classificação está assim: 1º) Caio Carvalho, com 176 pontos; 2º) Felipe Carvalho, 149; e 3º) Marcelo Beux, 136. Com os descartes, Caio continua com os mesmos 176 pontos, ao passo que Felipe e Beux descartam quatro pontos cada um. Felipe fica com 145 e Beux com 136. Mas os irmãos Caio e Felipe Carvalho decidiram correr em dupla na última etapa, como forma de garantir uma dobradinha familiar no campeonato. Assim a decisão será no confronto direto entre eles.

Antecipados

Já nas categorias Turismo I e Turismo C os campeões foram conhecidos por antecipação. Gabriel Formentão ganhou na I, e Eduardo Weirich na C.

Além da etapa final do Metropolitano de Cascavel, também faz parte da programação neste fim de semana no Autódromo Zilmar Beux a 3ª e última etapa do Campeonato Paranaense de Velocidade; e as sétimas etapas dos Metropolitanos de Londrina e Curitiba. O evento tem apoio da Pirelli, Bana Pneus, Rodas Scorro e Hotel Caiuá.

 

Classificação do Metropolitano de Cascavel, sem descartes

Categoria Marcas A

1º) Paulo Bento, com 235 pontos

2º) Thiago Klein, 202

3º) Edoli Caus Júnior, 196

4º) André Luiz Bragantini Júnior, 93

5º) Paulo Pizzoni, 87

6º) Marcel Sedano, 80

7º) Odair dos Santos/Edgar Favarin, 71

8º) Leandro Zandoná, 51

9º) Gustavo Magnabosco/Edson Bueno, 27

9º) Gustavo Myasava, 27

10º) Daniel Kaefer, 24

11º) Edson Massaro/Paulo Salustiano, 22

12º) Davi Dal Pizzol, 21

13º) Natan Sperafico, 15

14º) Leônidas Fagundes Júnior/Guilherme Sirtoli, com 7 pontos

 

Categoria Marcas B

1º) Caio Carvalho, com 176 pontos

2º) Felipe Carvalho, 149

3º) Marcelo Beux, 136

4º) Felipe Braz/Roney Ribeiro, 126

5º) Lorenzo Massaro, 102

6º) Edson Massaro, 81

7º) Luciano Monteiro, 77

8º) Anderson Portes, 72

9º) Wyllian Cezarotto, 56

10º) Nicolas Salmini/Gustavo Frigotto, 52

11º) Odair dos Santos, 49

12º) Edson Bueno, 44

13º) Gabriel Formentão/Cleves Formentão, 40

14º) Paulo Pizzoni, 24

15º) Vilmar Priviateli, 8

16º) Cleber Fonseca, 6

17º) Jair José Peasson, com 3 pontos

 

Categoria Turismo 1.600 I (Injetado)

1º) Gabriel Formentão, com 225 pontos

2º) Cleves Formentão, 131

3º) Marcos Antonio Cortina, 108

4º) José Newton Ficagna, 30

5º) Mauricio Alberto Gracioli, 22

6º) Flamarion Zacchi, 7

7º) Rodrigo de Souza Larralde, com 3 pontos

 

Categoria Turismo 1.600 C (Carburado)

1º) Eduardo Weirich, com 175 pontos

2º) Ronaldo Cesar da Silva, 93

3º) Luciano Cortina, 79

4º) Jefferson Fonseca, 26

5º) Sidnei Silva Prestes Júnior, 23

6º) Cleber Fonseca, com 22 pontos

………………………………………………………………………………………………………….

Paulo Bento chega à final na liderança, lutando por seu primeiro titulo da categoria Marcas A

Paulo Bento chega à final na liderança, lutando por seu primeiro titulo da categoria Marcas A

Thiago Klein vai à pista em busca do tricampeonato

Thiago Klein vai à pista em busca do tricampeonato

Edoli Caus Júnior é o campeão de 2009 e oito vezes vice-campeão

Edoli Caus Júnior é o campeão de 2009 e oito vezes vice-campeão

Os irmãos Caio e Felipe Carvalho correrão em dupla para serem campeão e vice da categoria Marcas B

Os irmãos Caio e Felipe Carvalho correrão em dupla para serem campeão e vice da categoria Marcas B

Marcelo Beux só depende de si. Precisa da vitória

Marcelo Beux só depende de si. Precisa da vitória

Crédito das fotos: Cleocinei Zonta/Divulgação

………………………………………………………………………………………………………….

CASCAVEL (PR) – O fim de semana será de decisão no automobilismo paranaense. A categoria Turismo tem uma final imprevisível neste fim de semana, no Autódromo Zilmar Beux, quando será disputada a 3ª e última etapa da temporada.

Sem os descartes, os cinco primeiros colocados são: 1º) Rodrigo Kostin/Roberto Baú, com 60 pontos; 2º) Márcio Ymagava/Lucas Inoue, 54; 3º) Roberto Bonato/Evandro Maldonado, 50; 4º) Adriano Botelho/Caio Botelho, 45; e 5º) José Carlos Pederneiras, com 40 pontos. Aplicando o descarte da pior bateria, a classificação passa a ser: 1º) 1º) Márcio Ymagava/Lucas Inoue, com 53 pontos; 2º) Roberto Bonato/Evandro Maldonado, 50; 3º) Rodrigo Kostin/Roberto Baú, 48; 4º) Adriano Botelho/Caio Botelho, 45; e 5º) José Carlos Pederneiras, com 34 pontos.

Isto quer dizer que qualquer um dos cinco primeiros colocados pode ser campeão, o que faz da etapa de Cascavel ainda mais empolgante.

O final do Campeonato Paranaense de Turismo terá promoção e organização do Automóvel Clube de Cascavel, supervisão da Federação Paranaense de Automobilismo (FPrA), e apoio da Pirelli, Bana Pneus, Rodas Scorro e Hotel Caiuá.

 

Classificação do Paranaense de Turismo sem descartes:

1º) Rodrigo Kostin/Roberto Baú, com 60 pontos

2º) Márcio Ymagava/Lucas Inoue, 54

3º) Roberto Bonato/Evandro Maldonado, 50

4º) Adriano Botelho/Caio Botelho, 45

5º) José Carlos Pederneiras, 40

6º) José Luís Cavassin, 30

7º) Luiz Cesar Ferreira/Rodrigo Luís Tassi, 28

8º) Marcos Romera/Werner Foncatti Berveglieri, 23

9º) Rafael Lupatini/Antonio Carvalho, 20

10º) Geovane Ciesielski, 19

11º) Edson Luiz Camapana Sita, 13

12º) Romulo Lazzari Molinari, 10

13º) Geison Eduardo Tureck, 8

14º) Milton Borges Vieira, 7

15º) Marcelo Cordeiro, 4

16º) Adriano Barbosa, 3

Kelston Kredens/Octavio de Oliveira, 3

James Schwerdtner, 3

Nilton da Silva/César Augusto Queiroz Fior, com 3 pontos

………………………………………………………………………………………………………….

A dupla Roberto Bonato/Evandro Maldonado mantém os mesmos 50 pontos com o descarte

A dupla Roberto Bonato/Evandro Maldonado mantém os mesmos 50 pontos com o descarte

A dupla Rodrigo Kostin/Roberto Baú descarta 12 preciosos pontos

A dupla Rodrigo Kostin/Roberto Baú descarta 12 preciosos pontos

A dupla Márcio Ymagava/Lucas Inoue passa a liderar com os descartes

A dupla Márcio Ymagava/Lucas Inoue passa a liderar com os descartes

Adriano Botelho e Caio Botelho somarão todos os pontos marcados em Cascavel

Adriano Botelho e Caio Botelho somarão todos os pontos marcados em Cascavel

José Carlos Pederneiras precisa vencer e torcer combinações de resultados

José Carlos Pederneiras precisa vencer e torcer combinações de resultados

Crédito das fotos: Victor Lara/Divulgação

………………………………………………………………………………………………………….

O fim de semana será decisivo para o Campeonato Metropolitano de Curitiba de Velocidade no Asfalto 2017, com a 7ª etapa a ser realizada no Autódromo Zilmar Beux, em Cascavel, válida pela 3ª e última etapa do Paranaense de Velocidade no Asfalto 2017. A etapa será disputada em duas baterias nas categorias Marcas “A” e “B”, Turismo “C” e “I”, e, Turismo 5000, com promoção e organização da Federação Paranaense de Automobilismo (FPrA). O Metropolitano de Curitiba tem o apoio da Pirelli, Bana Pneus e Rodas Scorro e Hotel Caiuá. Junto ao evento acontece ainda uma etapa do Paranaense de Motovelocidade.

O Campeonato Metropolitano de Curitiba de Velocidade no Asfalto 2017 está em fase decisiva, podendo conhecer os primeiros campeões da temporada 2017 em Cascavel. A categoria Marcas é para carros injetados, divididos em dois grupos: “A” e “B”, conforme graduação do piloto junto à FPrA, e a temporada 2017, reunindo 25 participantes em média por etapa. Os líderes são o catarinense Gustavo Magnabosco na “A”, com 242 pontos, venceu 11 das 12 provas realizadas, seguido por seu conterrâneo Richard Heidrich, com 160. O paranaense Rafael Barranco é o líder na “B”, com 210 pontos, venceu nove provas e Eduardo Pavelski está em segundo com 144. Nas categorias Turismo 1.6 “C” e “I”, para carros carburados e injetados, também terão mais de 25 participantes para as duas provas em Cascavel. A dupla Beto Baú/Rodrigo Kostin lidera na “C”, com 224 pontos e em segundo Luiz Ferreira e Roberto Bonato/Evandro Maldonado tem 170. André Farias Conti lideram na “I”, com 193 pontos e o vice-líder Elberto Alves tem 163. E a categoria Turismo 5000, disputada com Omegas (antigos Stock Car), sendo os carros mais rápidos da etapa, certamente terão duas provas de “arrepiar” no Autódromo Vilmar Beux, com boas disputas entre os doze participantes em média. A liderança é de Anderson Andrade, com 203 pontos, seguido por Armin Kliewer, 198 e Marco Antonio Garcia com 149 pontos.

No Campeonato Paranaense de Velocidade no Asfalto 2017, a “briga” pelo título está acirrado nas quatro categorias. Na Marcas “A”, a disputa está entre Gustavo Magnabosco (68 pontos), Ruslan Carta Filho/Andrei Carta (63) e Paulo Bento (51). Três equipes ainda têm chances na Marcas “B”, onde Rafael Barranco lidera com 87 pontos, seguido de Edson Bueno (54) e João Naumes/Alisson Nurnberg (40). Na Turismo, três duplas podem ficar com o título. Beto Baú/Rodrigo Kostin lideram com 60 pontos, tendo Márcio Ymagava/Lucas Inoue em segundo com 54, e, Roberto Bonato/Evandro Maldonado em terceiro com 50. E na Turismo 5000, Anderson Andrade lidera com 68 pontos, Armim Kliewer está em segundo com 63, Marco Garcia em terceiro com 58, e, Richard Heidrich em quarto com 40. Vale lembrar que das seis provas disputadas, os pilotos podem descartar um pior resultado, inclusive etapa não disputada. Só não podendo descartar desclassificação. Por isso as disputas deste fim de semana terão uma emoção a mais, para os pilotos dos Metropolitanos de Cascavel, Londrina e Curitiba, que ainda sonham com o título do Paranaense de Velocidade 2017.

A Programação Geral da prova inicia na sexta-feira (6/10), com quatro treinos livres das categorias Marcas e Turismo e um da Turismo 5000, das 9 às 17h05. Às 17h15, acontece o Briefing com pilotos de todas as categorias. No Sábado, o primeiro treino classificatório da Motovelocidade acontece das 9h25 às 9h55, o segundo das 11h15 às 11h45 e o terceiro das 13h15 às 13h45, o terceiro das 13h15 às 13h45. O Top 10 será realizado das 15h50 às 16h10. Os Treinos Classificatórios das categorias Marcas e Turismo acontecem das 10h35 às 10h50 e das 10h55 às 11h10. O treino classificatório da Turismo 5000 será realizado das 11h50 às 12h05. A Primeira Prova das categorias Marcas acontece às 14h10, para 30 minutos mais duas voltas de corrida. Às 15h10 larga a Primeira Prova das categorias Turismo 1.6 e Marcas L, para 30 minutos mais duas voltas. E às 16h35 larga a Primeira corrida da Turismo 5000, para 20 minutos mais duas voltas.

E no domingo, o evento acontece das 8 às 14 horas, iniciando com o warm up para todas as categorias das 8h30 às 9h40. Às 10h05 largada da Motovelocidade, para uma volta de apresentação, mais 16 voltas. Às 10h50 larga a 2ª Prova das categorias Marcas (30 minutos + 2 voltas). Às 11h50 larga a 2ª Prova da categoria Turismo 5000 (20 minutos + 2 voltas). E encerrando as atividades de pista em Cascavel, às 12h40 larga a 2.ª Prova das categorias Turismo e Marcas L (30 minutos + 2 voltas). Os pódios das categorias Marcas “A” e “B”, Turismo “C” e “I”, Marcas L e Turismo 5000 acontecerão a partir das 13h20.

 

CLASSIFICAÇÃO – Com seis etapas realizadas e doze provas disputadas, os seis primeiros do Metropolitano de Curitiba de Velocidade no Asfalto 2017, por categoria são: MARCAS “A” – 1º) Gustavo Magnabosco (SC), 242 pontos; 2º) Richard Heidrich (SC), 160; 3º) Ruslan Filho (PR), 155; 4º) Andrei Carta (PR), 137; 5º) Gustavo Dal Pizzol (SC), 128; 6º) Davi Dal Pizzol (SC), 85. MARCAS “B” – 1º) Rafael Barranco (PR), 210; 2º) Eduardo Pavelski (PR), 144; 3º) Gefferson de Lima (PR), 128; 2º) Wilians Peres (PR), 119; 5º) João Naumes/Alisson Nurnberg (PR), 102; 6º) Lúcio Seidel (PR), 65. TURISMO 1.6 “C” – 1º) Rodrigo Kostin/Beto Baú (PR), 224; 2º) Roberto Bonato/Evandro Maldonado (PR), e Luiz Ferreira (PR), 170; 3º) Rodrigo Tassi (PR), 92; 4º) Antonio Carvalho (PR), 87; 5º) José Pederneiras (PR), 86; 6º) Geovane Ciesielski (PR), 81. TURISMO 1.6 “I” – 1º) André Farias Conti (PR), 193; 2º) Elberto Alves (SC), 163; 3º) Rafael Lupatini/Alexandre Frankenberger (PR/SC), 158; 4º) Karl Rauscher (PR), 126; 5º) Roger Franke (PR), 105; 6º) Maurício Gaudêncio (PR), 103. TURISMO 5000 – 1º) Anderson Andrade (PR), 203; 2º) Armin Kliewer (PR), 198; 3º) Marco Antonio Garcia (PR), 149; 4º) Márcio Reuter (SC), 93; 5º) Richard Heidrich (SC), 91; e 6º) Rubens Kliewer (SC); 80.

A categoria Turismo 1.6 tem a expectativa de uma prova emocionante em Cascavel

A categoria Turismo 1.6 tem a expectativa de uma prova emocionante em Cascavel

CASCAVEL (PR) – O automobilismo do Paraná terá uma semana agitada, com a decisão de dois campeonatos. No próximo fim de semana o Autódromo Zilmar Beux, em Cascavel, região Oeste do Estado, será palco das etapas finais dos campeonatos Paranaense de Velocidade e do Metropolitano de Marcas de Cascavel. As provas serão válidas também pela 7ª etapa dos metropolitanos de Londrina e Curitiba.

O Campeonato Paranaense de Velocidade terá a disputa das categorias Marcas A, Marcas B, Turismo e Turismo 5000. Os campeões de todas elas serão definidos na prova deste fim de semana.

Já o Metropolitano de Cascavel é disputado nas categorias Marcas A, Marcas B, Turismo 1.600 I (Injetado) e Turismo 1.600 C (Carburado). Neste fim de semana serão conhecidos os campeões das categorias Marcas A e Marcas B. Os campeões das categorias Turismo 1.600 I e Turismo 1.600 C foram definidos por antecipação.

As finais do Campeonato Paranaense de Velocidade e do Campeonato Metropolitano de Marcas de Cascavel terá promoção e organização do Automóvel Clube de Cascavel, supervisão da Federação Paranaense de Automobilismo (FPrA), e apoio da Pirelli, Bana Pneus, Rodas Scorro e Hotel Caiuá.

 

Programação para sexta-feira – dia 06/10/2017

09:00 às 09:30 – 1º Treino Livre – Marcas A e B

09:35 às 10:05 – 1º Treino Livre – Turismo I e C e Marcas L

10:10 às 10:40 – 2º Treino Livre – Marcas A e B

10:45 às 11:15 – 2º Treino Livre – Turismo I e C e Marcas L

11:20 às 11:50 – 1º Treino Livre – Motovelocidade

13:05 as 13:35 – 3º Treino Livre – Marcas A e B

13:40 às 14:10 – 3º Treino Livre – Turismo I e C e Marcas L

14:15 às 14:45 – 2º Treino Livre – Motovelocidade

14:50 às 15:20 – 4º Treino Livre – Marcas A e B

15:25 às 15:55 – 4º Treino Livre – Turismo I e C e Marcas L

16:00 às 16:30 – 3º Treino Livre – Motovelocidade

16:35 às 17:05 – 1º Treino Livre – Turismo 5000

17:15 briefing: todas categorias

 

Programação para sábado – Dia 07/10/2017

08:15 às 08:45 5º – Treino Livre – Marcas A e B

08:50 às 09:20 5º – Treino Livre – Turismo I e C e Marcas L

09:25 às 09:55 1º – Treino Classificatório – Motovelocidade

10:00 às 10:30 1º – Treino Livre – Turismo 5000

10:35 às 10:50 – Tomada de Tempo – Marcas A e B

10:55 às 11:10 – Tomada de Tempo – Turismo I e C e Marcas L

11:15 às 11:45 – 2º Treino Classificatório – Motovelocidade

11:50 às 12:05 – Tomada de Tempo – Turismo 5000

13:15 às 13:45 – 3º Treino Classificatório – Motovelocidade

1ª Prova – Marcas A e B

14:10 – Largada (30 minutos + 2 voltas)

1ª Prova – Turismo I e C e Marcas L

15:10 – Largada (30 minutos + 2 voltas)

15:50 às 16:10 – Tomada de Tempo – Motovelocidade

16:35 – Largada (20 minutos + 2 voltas)

 

Programação para domingo – Dia 08/10/2017

08:30 às 08:40 – Warm Up – Motovelocidade

08:45 às 09:00 – Warm Up – Marcas A e B

09:05 às 09:20 – Warm Up – Turismo 5000

09:25 às 09:40 – Warm Up – Turismo I e C e Marcas L

Prova – Motovelocidade

10:05 – Largada (1 volta de apresentação + 16 voltas)

2ª Prova – Marcas A e B

10:50 – Largada (30 minutos + 2 voltas)

2ª Prova – Turismo 5000

11:50 – Largada (20 minutos + 2 voltas)

2ª Prova – Turismo I e C e Marcas L

12:40 – Largada (30 minutos + 2 voltas)

13:20 – Pódio de todas as categorias.

………………………………………………………………………………………………………….

O Autódromo de Cascavel terá um “Festival de Decisões” no próximo fim de semana

O Autódromo de Cascavel terá um “Festival de Decisões” no próximo fim de semana

Crédito das fotos: Cleocinei Zonta/Divulgação

………………………………………………………………………………………………………….

CASCAVEL (PR) – A Turismo 5000, categoria que reúne os Ômegas que marcaram época Stock Car, terá a decisão do Campeonato Paranaense nos dias 7 e 8 de outubro, em Cascavel, quando será disputada a 3ª e última etapa da temporada. A prova será valida também pela 7ª e penúltima etapa do Campeonato Metropolitano de Curitiba.

A Turismo 5000 chega à sua final tendo Anderson Andrade como líder do campeonato, com 68 pontos. Seus adversários na luta pelo título são Armin Kliever, vice-líder, com 63 pontos; e Marco Antônio Ortega Garcia, com 58. Para a definição do campeão, cada piloto descartará uma das seis baterias disputadas nas três etapas, o que fará com que Anderson aumente as suas possibilidades de título porque jogará fora o abandono da primeira bateria da etapa de Londrina, permanecendo com os mesmos 68 pontos. Armin Kliewer e Marco Garcia descartarão 10 pontos cada um, caindo para 53 e 48 respectivamente. Assim as duas baterias da etapa de Cascavel serão importantíssimas para a definição do campeão. Matematicamente, Richard Heidrich e Wanderlei Berlanda ainda têm possibilidades de brigar pelo título.

A 3ª etapa do Campeonato Paranaense de Velocidade terá promoção e organização do Automóvel Clube de Cascavel, supervisão da Federação Paranaense de Automobilismo (FPrA), e apoio da Pirelli, Bana Pneus, Rodas Scorro e Hotel Caiuá.

 

Classificação da Turismo 5000 após duas etapas (quatro provas)

1º) Anderson José C. de Andrade, com 68 pontos

2º) Armin Kliewer, 63

3º) Marco Antonio Ortega Garcia, 58

4º) Richard Anthony Heidrich, 40

5º) Wanderlei Antonio Berlanda, 30

6º) Márcio Reuter, 28

7º) Rubens Abrahams Kliewer, 21

8º) Maurício Reuter, com 18 pontos

………………………………………………………………………………………………………….

Armin Kliewer, vice-líder da atual temporada, é o atual campeão da categoria

Armin Kliewer, vice-líder da atual temporada, é o atual campeão da categoria

Marco Antonio Ortega Garcia foi campeão em 2013 e vice em 2014

Marco Antonio Ortega Garcia foi campeão em 2013 e vice em 2014

Anderson Andrade busca seu primeiro título na Turismo 5000

Anderson Andrade busca seu primeiro título na Turismo 5000

Crédito das fotos: Victor Lara/Divulgação

………………………………………………………………………………………………………….

marcaspr

brkart

prterra

rali5

arrancadapr402

outubro 2017
S T Q Q S S D
« set    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  
2ª Etapa – Turismo 5000 – 2ª Etapa Paranaense + Metropolitano Curitiba – 2017
2ª Etapa – Turismo – 2ª Etapa Paranaense + Metropolitano Curitiba/Cascavel/Londrina – 2017
2ª Etapa – Marcas – 2ª Etapa Paranaense + Metropolitano Curitiba/Cascavel/Londrina – 2017
1ª Etapa – Marcas – Paranaense + Metropolitano Curitiba/Cascavel/Londrina – 2017
1ª Etapa – Turismo – Paranaense + Metropolitano Curitiba/Cascavel/Londrina – 2017
1ª Etapa – Turismo 5000 – Paranaense + Metropolitano Curitiba – 2017

 

Mais Vídeos Clique AQUI!