Get Adobe Flash player

Sem categoria

O Autódromo Ayrton Senna, em Londrina, recebe no fim de semana (20 e 21/9) a sexta etapa do Campeonato Metropolitano de Curitiba de Velocidade no Asfalto 2014, válida ainda pela segunda etapa do Paranaense de Marcas e Pilotos. O evento dos Metropolitanos de Curitiba, Londrina  Paranaense serão disputados em duas baterias nas categorias Turismo “A” “B”, Marcas “A”, “B” e “Sênior” Turismo 5000com promoção e organização do Automóvel Clube de Londrina e a supervisão da Federação Paranaense de Automobilismo (FPrA). Junto ao evento acontece ainda uma etapa da Sprint Race, Spyder Race, Speed Fusca e Marcas “L”, completando o Racing Day.

            As categorias Turismo 1.6 “A” e “B”, com carros carburados, deve ter cerca de 35 participantes nesta etapa. Realizada em duas baterias muito disputadas, prometem novamente bons “pegas”, entre Billy Gabardo/Felipe Lobo e Andrei Carta/Ruslan Carta Filho na categoria “A” e Mitsui Duzanowski e Arthur/Fernando na “B”. Nas categorias Marcas, para carros injetados, divididos em três grupos: “A”, “B” e “Sênior”, conforme graduação do piloto junto à FPrA, haverá boas disputas entre paranaenses e catarinenses, com o catarinense Davi Dal Pizzol e a dupla paranaense Andrei Carta/Ruslan Carta Filho liderando na “A”, a dupla Vinícius Simão/Cláudio Simão e Marcelo Cancelli em primeiro na “B” e os paranaenses Algacir Sermann/Beto Cazuni e Marcos Ramos “brigando” pela ponta da Sênior. A categoria Turismo 5000, disputada com Omegas, nas categorias “A” e “B”, prometem duas provas de “arrepiar” em Londrina, com Maurício Reuter e Marco Antonio Garcia na “briga” pela liderança da “A” e Márcio Reuter com Rafael Kliewer visando liderar na “B”.

Na sexta-feira (19/9), serão realizados treinos livres e “Briefing” para todas as categorias. No sábado (20/9), o público vai poder acompanhar os treinos livres, classificatórios e as primeiras provas dos Metropolitanos de Curitiba, Londrina, Cascavel e Paranaense, nas categorias Marcas, Turismo 1.6, Turismo 5000, Spyder Race e Sprint Race. E no domingo (21/9), o evento começa as 8 horas com os war ups, depois acontecem as segundas provas das categorias Marcas “A”, “B” “S”, Turismo 1.6 “A” “B” e Turismo 5.000 “A”“B”, uma da Spyder Race e vai até as 16h10 quando serão realizados os pódios das categorias Spyder Race, Speed Fusca e Marcas “L”.

– Classificação –

            Com cinco etapas realizadas e dez provas disputadas, os cinco primeiros do Metropolitano de Marcas e Pilotos 2014, por categoria são: Marcas “A”: 1.º) Davi Dal Pizzol (SC), 126; 2.°) Andrei Carta/Ruslan Carta Filho (PR), 119; 3.º) Gustavo Magnabosco (SC), 111 pontos; 4.º) Valmor Emílio Weiss (PR), 109; 5.°) Eduardo Berlanda (SC), 91. Marcas “B”: 1.º) Cláudio Simão/Vinícius Simão (SC), 155; 2.º) Marcelo Cancelli (SC), 132; 3.º) Elberto Alves/Rafael Bastos (SC), 129; 4°) Lúcio Seidel (PR), 74; 5.°) Jones Salvaro/Rodrigo Rinhel (PR), 66. Marcas Sênior: 1.º) Algacir Sermann Filho/Beto Cazuni e Marcos Ramos(PR), 176; 2.º) José Cordova (PR), 104; 3.º) Celso Mancia (PR), 84; 4.°) Evandro Maldonado (PR), 72; 5.°) Samir Guimarães/Adriano Braz Neto  (SC), 42. Turismo 1.6 “A”: 1º) Billy Gabardo/Felipe Lobo (PR/SC), 178; 2.º) Ruslan Carta Filho/Andrei Carta (PR), 128; 3.º) Carlos Vaz/Marcelo Cordeiro (PR), 100; 4.°) Richard Heidrich (SC), 95; 5.°) Stive Tokarski (PR), 94. Turismo 1.6 “B”: 1.º) Mitsui Duzanowski (SC), 170; 2.º) Arthur Gaggini Lopes/Fernando Marinho Santos (SC), 114; 3.º) Ernani Kuhn (SC), 95; 4.°) Willians Peres (PR), 73; 5.°) Roberto Bonato (PR), 68. Turismo 5000 “A”: 1.º) Maurício Reuter (SC), 134; 2.º) Marco Antonio Garcia (PR), 128; 3.°) Marco Aurélio Garcia (PR), 86; 4.º) Odair Costa Jr (SC), 82; 5.°) Armin Kliewer (SC), 81. E na Turismo 5000 “B”: 1.º) Márcio Reuter (SC), 68; 2.º) Rafael Kliewer (SC), 43; e 3.º) Fábio Baldan (PR), 38.

 OLYMPUS DIGITAL CAMERA OLYMPUS DIGITAL CAMERA OLYMPUS DIGITAL CAMERA

MRT – Marketing Racing Team

(41) 9957-2908 – bisponeto@terra.com.br

MARINGÁ (PR) – A penúltima etapa do Campeonato Paranaense de Arrancada de 201 Metros será disputada neste fim de semana, em Maringá.

A pista do Race Park recebe amanhã e domingo pilotos de todo o Estado e também de São Paulo, Mato Grosso do Sul e Santa Catarina para a prova que pode apontar os primeiros campeões da temporada.

A 5ª e última etapa da temporada está marcada para os dias 11 e 12 de outubro, em Cascavel, quando também fará parte da programação a 4ª e penúltima etapa do Campeonato Brasileiro de 201 Metros.

 

Classificação do Paranaense de Arrancada de 201m após quatro etapas

Categoria Dianteira Turbo B

1º) Carlos Eduardo R. Moreira, com 65 pontos

2º) Joacir Giaretto Cordova, 53

3º) Adriano Prado, 42

4º) Evandro Carlos Mantovani, 36

5º) Leandro Maia Betine, 30

6º) Vilson Ferreira, 27

7º) Júnior Fernandes, 22

8º) Fábio Froza, 19

9º) Alcenir F. Júnior, 18

10º) Rafael Calderon, 14

11º) Alexandre Vasconcelos, 12

Evandro Leite, 12

13º) Luciano Luiz Scarioti, 10

Thiago Curti Vasconcelos, 10

Adalberto Júnior da Silva, 10

Rafael Furtado, 10

17º) Paulo Prado, 9

18º) Charles Uscocovich, 6

Rafael Fitipaldi, 6

20º) Paulo Henrique R. da Fonseca, 5

21º) Alvir Froza, 4

Ricardo Xarão, 4

Vinicius Parteka, 4

Luís Rogério de Souza, 4

25º) Alexander Ribeiro Gomes, 2

Diego Bernardi, 2

Edson de Oliveira Machado, 2

Hélcio Jamir dos Santos, 2

Helton Zancanaro, 2

Kaio Domingues Fernandes, 2

Marcos Batista da Silva, 2

Ricardo Rodrigo Sanches, 2

Rodrigo Agostinho Santos, 2

Tiago da Fonte, 2

Wanderlei Candido de Barros, 2

Gustavo Luna, 2

Júlio César Pereira, 2

 

Categoria Standart

1º) José Aparecido Leonel, 88

2º) Alfredo Lemos         , 45

3º) Edson Luiz Panisson, 38

4º) Wellington Andrade Barranco, 34

5º) Mário M. Souza, 24

6º) Paulo Vinicius Gondawski, 17

 

Categoria Dianteira Turbo C

1º) Rogério Bernardi, 80

2º) Vanderlei Júnior Bertolin, 24

3º) Ginésio Cassol Neto, 22

4º) Lucian P. Brandalize, 21

5º) Guilherme Emiliano, 17

Dalmo Paes de Abreu, 17

Dian Alonso, 17

Alex Sander Rampazo, 17

Iverson Mezzadri, 17

10º) Giuliano R. Siqueira, 14

Willian Bruno Carraro, 14

Ana Paula Bihl de Oliveira, 14

13º) Alfredo Neto, 12

Renato Hartwig Grah Filho, 12

15º) Cléber Afonso dos Santos, 10

Hélcio Jamir dos Santos, 10

Thiago Luna, 10

18º) Jeverson da Silva Marra, 9

19º) Everton Luiz Pereira, 8

20º) Marcelo Hildebrand, 2

 

Categoria Turbo Traseira

1º) Vilson Ferreira, 61

2º) Marcelo Teixeira de Moraes, 58

3º) Anselmo Sepp, 40

4º) Sandro Rogério Dalavalle, 26

5º) Cristiano José Júlio, 22

6º) Jevan Dalavalle, 17

Marcos Vinicius Bruel A. Damo, 17

Cristian Cordeiro Júlio, 17

9º) Joelson Luiz de Souza, 16

10º) Cleverson Bertolin, 12

11º) Marciano Huff Batista, 10

Jaime Meneguette, 10

 

Categoria Dianteira Turbo A

1º) Anderson Herrera Ramos, 56

2º) Anderson Borre, 55

3º) André Schiavon Marcotti, 44

4º) Marcelo Sulzbacher, 32

5º) Alessandro José Barranco, 26

6º) Willian S. Pinheiro, 17

7º) Milton Seiti Wataya, 14

Ademar D’asgotino, 14

9º) Adriano José Scariot, 12

10º) Alessandro F. Santos, 8

 

Categoria Força Livre Dianteira

1º) Ariovaldo Jardim Júnior, 22

2º) Rodrigo Bernieri, 17

3º) Ricardo Rodrigo Sanches, 14

 

Categoria Força Livre Traseira

1º) Tiago Medeiro Ferraz, 39

1º) Alex Sander da Silva, 39

2º) Elizeu Del Vecchi, 22

3º) Alberto Aires Wirzbickei, 17

 

Categoria Dianteira Original

1º) Alessandro da Silva, 22

2º) Paulo Gaieski Júnior, 17

 

Categoria Traseira Super

1º) Renato Cruz, 67

2º) Alfredo Vieira Montecelli, 39

3º) Jairo Dalavalle, 36

4º) Márcio Valmor Júlio, 22

5º) Ricardo Cristian Ohpis, 17

 

Categoria : Pro-Mod

1º) João Eugenio Pletsch        , 44

 

Categoria Street Tração Traseira

1º) Gilmar Trovo, 67

2º) Vilson Ferreira, 61

3º) Giovani Chemin, 36

4º) Arthur Xavier Neto, 32

5º) Guilherme Emiliano, 23

6º) Celso B. de Camargo, 17

7º) Marcelo Belmiro, 16

8º) Cristiano Pistoia, 10

Ricardo Benozzo, 10

Márcio Valmor Júlio, 10

11º) Josoé Carvalho, 8

12º) Rodrigo Tondo, 7

13º) Alex do Conto Baseggio, 6

Anderson Alfredo Baihar, 6

15º) Lucas Miranda, 5

16º) Alysson Fernando Massucheto, 4

17º) Eudes Bueno, 2

Elsio Rodrigo Possoli, 2

Valdir Kultz Júnior, 2

 

Categoria Dianteira Super

1º) Luiz A. G. Biasson, 39

2º) Harisson Totti Marques, 36

3º) Emerson Carlos Oliveira, 31

4º) Rodrigo Bernieri, 22

 

Categoria Standart 6 e 8

1º) Gilmar G. dos Santos, 83

2º) Debora Kultz, 70

3º) Helton Zancanaro, 17

4º) Uelinto Dicleer Nascimento, 14

 

Categoria Extreme 10,5

1º) Cleverson Bertolin, 36

2º) Nestor Acosta, 31

3º) Cristiano José Júlio, 22

Acosta G. Fabian, 22

Anselmo Seep, 22

5º) Allan Aquino de Alencar, 17

6º) Vilson Ferreira, 12

 

Categoria Traseira Street Turbo

1º) Sandro Rogério Dalavalle, 44

2º) Marcus Vinicius Bruel Damo, 22

 

Categoria Drag Light

1º) Pedro Augusto Martinhago, 22

2º) Pedro Martinhago, 17

………………………………………………………………………………………………………….

Legenda:

 

Renato Cruz, de Guarapuava, pode garantir em Maringá o título da categoria Traseira Super

 

Crédito da foto: Juliano Julio/Divulgação

………………………………………………………………………………………………………….

Renato Cruz, de Guarapuava, pode garantir em Maringá o título da categoria Traseira Super

Renato Cruz, de Guarapuava, pode garantir em Maringá o título da categoria Traseira Super

 Em mais um fim de semana (23 e 24/8) quente em Curitiba, foi realizada com sucesso a 5.ª etapa do Campeonato Metropolitano de Curitiba de Marcas e Pilotos 2014, no Autódromo Internacional de Curitiba (AIC). A etapa foi disputada nas categorias Marcas “A”, “B” e Sênior, Turismo 5000 “A”, Turismo 1.6 “A” e “B”, com promoção e organização da Federação Paranaense de Automobilismo (FPrA). Junto ao evento aconteceu ainda duas provas da Sprint Race e Spyder Race.

 

– Grids de largada –

Durante os treinos classificatórios que definiram os grids de largada, os três primeiros por categoria foram: Marcas “A”: Davi Dal Pizzol (SC), 1min40s462; 2.º) Valmor Emílio Weiss (PR), 1min40s824; 3.º) Andrei Carta/Ruslan Carta Filho (PR), 1min40s830. Marcas “B”: 1.º) Marcelo Cancelli (SC), 1min41s485; 2.º) Fausto de Lucca (SC), 1min42s030; 3.º) Elberto Alves/Rafael Bastos (SC), 1min42s081. Marcas Sênior: 1.º) Algacir Sermann Filho/Beto Cazuni (PR), 1min41s013; 2.º) Marcos Ramos/José Cordova (PR), 1min41s240; 3.º) Luiz Ferreira/Toninho Espolador (PR), 1min41s617. Turismo 5000 “A”: 1.º) Richard Heidrich (SC), 1min34s776; 2.º) Marco Antonio Garcia (PR), 1min34s855; 3.º) Maurício Reuter (SC), 1min35s112. Turismo 1.6 “A”: 1.º) Billy Gabardo/Felipe Lobo (PR/SC), 1min41s415; 2.º) Stive Tokarski (PR), 1min41s457; 3.º) Andrei Carta/Ruslan Carta Filho (PR), 1min41s792. Turismo 1.6 “B”: 1.º) Mitsui Duzanowski (SC), 1min41s774; 2.º) Felipe Santos/André Gaggin (SC), 1min42s244; 3.º) Danny Berte Jr (SC), 1min42s337.

 

– Marcas –

            Reunindo 22 carros em seu grid, a largada da primeira bateria das categorias Marcas “A”, “B” e Sênior, teve o pole position Davi Dal Pizzol mantendo a liderança da prova na primeira volta, seguido de Valmor Emílio Weiss, Ruslan Carta Filho, Beto Cazuni, Jorge Martelli, Eduardo Berlanda, José Cordova, Yukio Duzanowski, Pierre Sabbag e Marcelo Cancelli. A “briga” era boa entre os seis primeiros nas primeiras voltas, com Valmor Emílio abandonando por quebra logo na primeira volta. Na 10.ª volta, o safety car entrou na pista para que um carro acidentado fosse removido. Na relargada, José Cordova assumiu a liderança, brigando por duas voltas com Davi Dal Pizzol pelo primeiro lugar. Ao fim de 19 voltas, a vitória na GeralMarcas Sênior foi de José Cordova, com tempo total de 33min15s027, seguido de Beto Cazuni, a 10s398, Braz Neto, a 41s580, Karl Rauscher, a duas voltas, e em quinto lugar, Evandro Maldonado, a quatro voltas. Na Marcas “A” venceu Ruslan Carta Filho, com o tempo de 34min15s868, com Davi Dal Pizzol em segundo, a 1s331, Jorge Luiz Martelli em terceiro, a 9s403, Yukio Duzanowski em quarto, a 11s630, Rafael Moreno em quinto lugar, a uma volta, e, Diego Pardo em sexto, a duas voltas. E na Marcas “B”, vitória de Fausto de Lucca, com tempo de 33min29s435, vindo a seguir Cláudio Simão, a 0s391, Jones Salvaro, a 3s575, Fernando Miranda, a 9s363; Rafael Bastos, a dez voltas, e em sexto lugar, Marcelo Cancelli, a onze voltas.

Na largada da segunda prova das categorias Marcas “A”, “B” e Sênior, Marcos Ramos largou na pole position, mas perdeu a “ponta” da prova na primeira volta para Davi Dal Pizzol, Andrei Carta e Jorge Luiz Martelli, caindo para o quarto lugar. Pizzol foi abrindo vantagem, deixando a “briga” pelo segundo lugar entre Andrei Carta e Jorge Luiz Martelli, seguidos de Marcos Ramos, Fausto de Lucca, Pierre Sabbag, Yukio Duzanowski e Vinícius Simão. Grande prova de recuperação de Valmor Emílio Weiss, que largou da 20.ª posição e terminou a prova em quarto lugar. Ao fim de 20 voltas, a vitória na Gerale na Marcas “A” foi de Davi Dal Pizzol, com tempo total de 32min55s234, seguido de Jorge Luiz Martelli, a 2s738, Andrei Carta, a 7s009, Valmor Emílio Weiss, a 11s571, Pierre Sabbag, a 15s521, e, Eduardo Berlanda, a 15s839. Na Marcas “B”venceu Fausto de Lucca, com Marcelo Cancelli em segundo, a 0s764, Vinícius Simão em terceiro, a 15s981, Elberto Alves em quarto, a 21s430, e, Fernando Miranda em sexto, a 40s286. E na Marcas Sênior, vitória de Marcos Ramos, vindo a seguir Algacir Sermann Filho, a 11s310, Karl Rauscher, a uma volta, Evandro Maldonado, a seis volta, e, Luiz Ferreira, a dez voltas. A volta mais rápida das duas provas foi de Davi Dal Pizzol, na 2.ª passagem da primeira corrida, com o tempo de 1min40s278, à média de 135,164 km/h.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

 

– Turismo 5.000 –

            Na prova da categoria Turismo 5000 “A”, a primeira corrida de 15 voltas teve nove participantes e muitas disputas em vários pontos da pista. O pole position Richard Heidrich perdeu a liderança na largada para Maurício Reuter, caindo para o segundo lugar e travando bom “pega” com Maurício Reuter e Marco Antonio Garcia pela liderança da prova. Na sexta volta, Marco Antonio Garcia rodou e perdeu várias posições, tendo que começar prova de recuperação. Com isso, Odair Costa Jr assumiu o terceiro lugar, entrando na “briga” pelas primeiras posições. Ao fim de 15 voltas, vitória de Maurício Reuter, naTurismo 5.000 “A”, com tempo de 24min13s435, seguido de Odair Costa Jr, a 1s605, Richard Heidrich, a 2s268, Marco Antonio Garcia, a 2s733, Marco Aurélio Garcia, a 8s300, e, Anderson Andrade, a 9s043.

segunda prova da categoria Turismo 5000 “A”, que largou com o grid invertido foi repleta de emoção até a bandeirada final. Na largada, o pole position Rubens Kliewer perdeu a liderança na largada, e na primeira volta os seis primeiros eram Anderson Andrade, Armin Kliewer, Maurício Reuter, Odair Costa Jr, Marco Antonio Garcia, RRibens Kliewer e Richard Heidrich. Na quarta volta, a liderança ainda era de Anderson Andrade, passando a receber pressão de Maurício Reuter e Marco Antonio Garcia, “briga” esta que durou até a bandeirada final. Ao fim de 15 voltas, vitória de Anderson Andrade na Turismo 5.000 “A”, com tempo de 24min13s462, seguido de Maurício Reuter, a 8s356, Marco Antonio Garcia, a 8s820, Marco Aurélio Garcia, a 10s799, Odair Costa Jr, a 16s152, e, Armin Kliewer, a 17s394. A volta mais rápida das duas provas foi de Marco Antonio Garcia, na 10.ª passagem da primeira corrida, com o tempo de 1min35s440, à média de 142.016 km/h.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

– Turismo 1.6 –

            As categorias Turismo 1.6 “A” “B”, com 28 participantes, contou com o maior grid da etapa, teve a primeira prova muito disputada nas duas categorias. Felipe Lobo manteve a liderança na largada, seguido de Stive Tokarski, Mitsui Duzanowski, Andrei Carta, Marcelo Cordeiro e Beto Baú. Felipe Lobo foi abrindo vantagem, deixando a “briga” no segundo pelotão entre Stive Tokarski, Mitsui Duzanowski e Andrei Carta. Grande corrida de Jones Salvaro, que largou da 22.ª posição e chegou em 7.º lugar na Geral. Depois de 20 voltas, vitória de Felipe Lobo na Geral Turismo 1.6 “A”, com tempo total de 34min11s882, seguido de Stive Tokarski, a 5s841, Andrei Carta, a 22s916, Richard Heidrich, a 42s838, Rafael Lupatini, a 44s988, e em sexto lugar, Ariel Barranco, a 1min27s321. Na Turismo 1.6 “B” venceu Mitsui Duzanowski, com tempo de 34min18s144, com André Gaggini em segundo, a 19s618, Roberto Bonato em terceiro, a 36s175, Eduardo Pavelski em quarto, a 36s530, Daniel Bastos em quinto, a 41s109, e José Pederneiras em sexto, a 1min00s917.

Muita disputa também na segunda prova das categorias Turismo 1.6, com Billy Gabardo mantendo a liderança na largada, seguido de perto por Stive Tokarski, Felipe Lira, Ruslan Carta Filho, Rafael Bastos, Roberto Bonato, Richard Heidrich, Alexandre Frankemberger, Eduardo Pavelski e José Pederneiras. Ao fim de 20 voltas, vitória de Billy Gabardo naGeral e na Turismo 1.6 “A”, com tempo total de 34min13s529, seguido de Stive Tokarski, a 0s659, Carlos Vaz, a 30s336, Rodrigo Kostin, a 30s484, Richard Heidrich, a 31s731, e em sexto lugar, Alexandre Frankemberger, a 54s505. Na Turismo 1.6 “B”, vitória de Roberto Bonato, com tempo de 34min42s247, com Felipe Lira em segundo, a 0s309, Wilians Peres em terceiro, a 12s048, Ernani Resende Kuhn em quarto, a 12s123, Rafael Bastos em quinto, a 17s762, e, José Pederneiras em sexto, a 23s728. A volta mais rápida das duas provas foi de Felipe Lobo, na 5.ª passagem da primeira corrida, com o tempo de 1min41s684, à média de 133,295 km/h.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

 

A sexta etapa do Metropolitano de Curitiba de Marcas e Pilotos 2014 está marcada para os dias 19, 20 e 21 de setembro, no Autódromo Ayrton Senna, em Londrina, no Norte do Paraná, válida também, pelo Campeonato Paranaense de Velocidade no Asfalto.

 

MRT – Assessoria e Comunicação

(41) 9957-2908 – bisponeto@terra.com.br

O Autódromo Internacional de Curitiba (AIC) recebe neste fim de semana (23 e 24/8) a quinta etapa do Campeonato Metropolitano de Velocidade no Asfalto 2014. O evento doMetropolitano de Curitiba será disputado em duas baterias nas categorias Turismo “A” “B”, Marcas “A”, “B” e “Sênior” Turismo 5000 “A” “B”, com promoção e organização daFederação Paranaense de Automobilismo (FPrA). Junto ao evento acontece ainda uma etapa da Porsche Cup e Challenge, Sprint Race e Spyder Race completando o Racing Day do AIC.

As categorias Turismo 1.6 “A” e “B”, disputada por carros carburados, tem contado com 28 participantes em média, realizadas em duas baterias muito disputadas, que prometem para este fim de semana bons “pegas”, entre Billy Gabardo/Felipe Lobo e Andrei Carta/Ruslan carta Filho na categoria “A” e Mitsui Duzanowski e Ernani Kuhn na “B”. Nas categorias Marcas, para carros injetados, divididos em três grupos: “A”, “B” e “Sênior”, conforme graduação do piloto junto à FPrA, haverá boas disputas entre paranaenses e catarinenses, com o catarinense Gustavo Magnabosco e o paranaense Valmor Emílio liderando na “A”, as duplas Vinícius Simão/Cláudio Simão e Elberto Alves/Rafael Bastos em primeiro na “B” e os paranaenses Algacir Sermann/Beto Cazuni e Marcos Ramos “brigando pela ponta da Sênior. A categoria Turismo 5000, disputada com Omegas, nas categorias “A” e “B”, prometem duas provas de “arrepiar” no AIC, com Marco Antonio Garcia e Maurício Reuter na “briga” pela liderança da “A” e Márcio Reuter com Rafael Kliewer visando liderar na “B”.

No sábado (23/8), o ingresso é gratuito e o público vai poder acompanhar os treinos livres e classificatórios do Metropolitano de Curitiba, nas categorias Marcas, Turismo 1.6, Turismo 5000, Spyder Race e Sprint Race. E no domingo (24/8), o evento começa as 8 horas com os war ups e vai até as 17 horas quando serão realizados os pódios de todas as categorias. Durante o dia, acontecem as duas corridas do Metropolitano de Curitiba, nas categorias Turismo 5.000 “A” e“B” Marcas “A”, “B” “S”, Turismo 1.6 “A” “B”, uma da Spyder Race e duas provas daSprint Race.

– Classificação – Com quatro etapas realizadas e oito provas disputadas, os cinco primeiros do Metropolitano de Marcas e Pilotos 2014, por categoria são:

Marcas “A”: 1.º) 1.º) Gustavo Magnabosco (SC), 111 pontos; 2.º) Valmor Emílio Weiss (PR), 96; 3.º) Davi Dal Pizzol (SC), 87; 4.°) Andrei Carta/Ruslan Carta Filho (PR), 84; 5.°) Eduardo Berlanda (SC), 82.

Marcas “B”: 1.º) Cláudio Simão/Vinícius Simão (SC), 125; 2.º) Elberto Alves/Rafael Bastos (SC), 116; 3.º) Marcelo Cancelli (SC), 113; 4°) Lúcio Seidel (PR), 71; 5.°) Jones Salvaro/Rodrigo Rinhel (PR), 51.

Marcas Sênior: 1.º) Algacir Sermann Filho/Beto Cazuni (PR), 142; 2.º) Marcos Ramos (PR), 133; 3.º) Celso Mancia (PR), 84; 4.°) Evandro Maldonado e José Cordova (PR), 61; 5.°) Luiz Concentino (PR), 32.

Turismo 1.6 “A”: 1º) Billy Gabardo/Felipe Lobo (PR/SC), 134; 2.º) Ruslan Carta Filho/Andrei Carta (PR), 113; 3.º) Carlos Vaz/Marcelo Cordeiro (PR), 85; 4.°) Richard Heidrich (SC), 74; 5.°) Stive Tokarski (PR), 61.

Turismo 1.6 “B”: 1.º) Mitsui Duzanowski (SC), 146; 2.º) Ernani Kuhn (SC), 82; 3.º) Arthur Gaggini Lopes/Fernando Marinho Santos (SC), 81; 4.°) Danny Berte Jr (SC), 64; 5.°) Willians Peres (PR), 54.

Turismo 5000 “A”: 1.º) Marco Antonio Garcia (PR), 101; 2.º) Maurício Reuter (SC), 96; 3.º) Odair Costa Jr (SC), 67; 4.°) Armin Kliewer (SC), 66; 5.°) Marco Aurélio Garcia (PR), 63.

Turismo 5000 “B”: 1.º) Márcio Reuter (SC), 68; 2.º) Rafael Kliewer (SC), 43; e 3.º) Fábio Baldan (PR), 38.

Corrida categoria Marcas Corrida categoria Marcas

MRT – Marketing Racing Team
(41) 9957-2908 – bisponeto@terra.com.br

LONDRINA (PR) – Logo após a realização do Campeonato Brasileiro de Kart, em Itu (SP), outra competição importante estará iniciando. Será o Campeonato Paranaense Light, que será disputado em duas etapas. A abertura será nos dias 9 e 10 de agosto, em Londrina, e a segunda e decisiva nos dias 29 e 30 de novembro, em Cascavel.

A etapa londrinense terá a disputa das categorias Cadete (Mirim e Cadete), Júnior (Júnior Menor e Júnior), Graduados, Sênior (Novatos, Sênior B, Sênior A e Super Sênior), que terão suas disputas no sábado, dia 9. Já a categoria F-4 terá sua disputa no domingo, dia 10, junto com o GP Londrina, que terão o limite de inscrição de 33 karts para a categoria Sênior e de 30 para a F-4. Os participantes do Paranaense Light pagarão apenas R$ 100 para disputar o GP Londrina, já com o combustível da prova incluso.

Segundo Samuel Júnior, presidente da AKRL (Associação dos Kartistas da Região de Londrina, que organizará a prova, a expectativa é de que mais de 100 pilotos disputem a primeira etapa do Paranaense Light. “Os motores serão sorteados e a taxa de inscrição não chega a R$ 300, com o combustível da prova incluso. A categoria Cadete terá taxa de inscrição de R$ 100, já com o combustível. Será uma prova em que o piloto não sentirá no bolso”, afirma Samuel.

Mais informações e inscrições pelo telefone (33) 3347-4182, com Salomão.

………………………………………………………………………………………………………….

Legenda:

 

O Kartódromo Luigi Borghesi, em Londrina, sediará a etapa de abertura do Paranaense Light, em agosto

 

Crédito da foto: Divulgação

………………………………………………………………………………………………………….

Assessoria de imprensa da Federação Paranaense de Automobilismo

Jornalista Responsável: Luiz Aparecido da Silva

Reg. Sind. Jorn. Prof. Pr sob nº 1.131Kartódromo de Londrina01

Num fim de semana (5 e 6/7) quente em Curitiba, foi realizada com sucesso a 4.ª etapa do Campeonato Metropolitano de Curitiba de Marcas e Pilotos 2014, no Autódromo Internacional de Curitiba (AIC). A etapa foi disputada nas categorias Marcas “A”, “B” e Sênior, Turismo 5000 “A” e “B”, Turismo 1.6 “A” e “B”, e, Fórmula Premium/Light, com promoção e organização da Federação Paranaense de Automobilismo (FPrA).

– Grids de largada –

Durante os treinos classificatórios que definiram os grids de largada, os três primeiros por categoria foram: Marcas “A”: 1.º) Valmor Emílio Weiss (PR), 1min40s334; 2.º) Gustavo Magnabosco (SC), 1min40s420; 3.º) Marcel Sedano (SC), 1min40s485. Marcas “B”: 1.º) Vinícius Simão/Cláudio Simão (SC), 1min40s844; 2.º) Elberto Alves/Rafael Bastos (SC), 1min41s139; 3.º) Marcelo Cancelli (SC), 1min41s396. Marcas Sênior: 1.º) Algacir Sermann Filho/Beto Cazuni (PR), 1min40s761; 2.º) Marcos Ramos/José Cordova (PR), 1min40s881; 3.º) Samir Guimarães/Braz Neto (PR), 1min42s447. Turismo 5000 “A”: 1.º) Maurício Reuter (SC), 1min36s458; 2.º) Marco Antonio Garcia (PR), 1min36s582; 3.º) Odair Costa Jr (SC), 1min36s758. Turismo 5000 “B”: 1.º) Márcio Reuter (SC), 1min38s146. Turismo 1.6 “A”: 1.º) Andrei Carta/Ruslan Carta Filho (PR), 1min41s344; 2.º) Billy Gabardo/Felipe Lobo (PR/SC), 1min41s754; 3.º) Beto Baú/Rodrigo Kostin (PR), 1min42s400. Turismo 1.6 “B”: 1.º) Mitsui Duzanowski (SC), 1min41s899; 2.º) Felipe Santos/André Gaggin (SC), 1min42s582; 3.º) Ernani Rezende Kunh (SC), 1min42s865. Fórmula Premium Light: 1.º) Leonardo de Souza (PR), 1min18s038; 2.º) Luiz Henrique Zornig, 1min29s791; 3.º) Fabiano Sabadin (PR), 1min31s425. E na Fórmula Prêmium: 1.º) Felipe Ortiz (PR), 1min34s087; 2.º) Alex Morais (PR), 1min36s112; e 3.º) Agostinho Setti (PR), 1min37s136.

– Marcas –
Com o segundo maior grid da etapa com 24 carros, a largada da primeira bateria das categorias Marcas “A”, “B” e Sênior, teve o pole position Valmor Emílio Weiss perdendo a liderança da prova na primeira volta para Marcel Sedano, seguido de Ruslan Carta Filho, Gustavo Magnabosco, Valmor Emílio, Eduardo Scheer, Jorge Martelli, Marcos Ramos e Eduardeo Berlanda. A “briga” era boa entre os seis primeiros nas primeiras voltas, com Sedano e Valmor Emílio até a bandeirada final, mas num toque com Magnabosco, valmor caiu para a terceira posição. Ao fim de 20 voltas, a vitória na Geral e Marcas “A” foi de Marcel Sedano, com tempo total de 33min48s568, seguido de Ruslan Carta Filho, a 1s172, Valmor Emílio, a 2s273, Davi Dal Pizzol, a 4s260, Eduardo Berlanda, a 12s593, e em sexto lugar, Wanderlei Berlanda, a 19s103. Na Marcas “B” venceu Cláudio Simão, com o tempo de 34min11s835, com Elberto Alves em segundo, a 1s710, Marcelo Cancelli em terceiro, a 18s631, Fernando Miranda em quarto, a 57s036, e, Lúcio Seidel em quinto lugar, a nove voltas. E na Sênior, vitória de Marcos Ramos, com tempo de 34min19s843, vindo a seguir Algacir Sermann Filho, a 0s277, Samir Guimarães, a 45s077, e em quarto lugar, Evandro Maldonado, a seis voltas.
Na largada da segunda prova das categorias Marcas “A”, “B” e Sênior, Marcel Sedano largou na pole position, mas perdeu a “ponta” da prova na primeira volta para Valmor Emílio após acidente no fim da reta. Eduardo Berlanda assumiu o segundo lugar seguido de Andrei Carta, Jorge Luiz Martelli, Davi Dal Pizzol, Yukio Duzanowski, Wanderlei Berlanda e Beto Cazuni. A grande “briga” do início da prova, na Geral e Marcas “A”, foi entre os quatro primeiros Valmor Emílio Weiss, Eduardo Berlanda, Andrei Carta e Jorge Luiz Martelli pela liderança na Geral. Ao fim de 20 voltas, a vitória na Geral e na Marcas “A” foi de Valmor Emílio Weiss, com tempo total de 33min55s124, seguido de Eduardo Berlanda, a 0s548, Jorge Luiz Martelli, a 7s396, Andrei Carta, a 9s167, Davi Dal Pizzol, a 10s148, e, Gustavo Magnabosco, a 15s405. Na Marcas “B” venceu Marcelo Cancelli, no tempo total de 34min20s677, com Vinícius Simão em segundo, a 0s526, Jones Salvaro em terceiro, a 31s457, e, Rafael Bastos em quarto, a dez voltas. E na Marcas Sênior, vitória de Beto Cazuni, com tempo de 34min04s405, vindo a seguir José Cordova, a 20s795, Braz Neto, a 55s234, Karl Raucher, a uma volta, e, Evandro Maldonado, a cinco voltas. A volta mais rápida das duas provas foi de Davi Dal Pizzol, na 13.ª passagem da primeira corrida, com o tempo de 1min40s496, à média de 132,366 km/h.

Corrida categorias Marcas

Corrida categorias Marcas

– Turismo 5.000 –
Na prova das categorias Turismo 5000 “A” e “B”, a primeira corrida de 15 voltas teve nove participantes e muitas disputas em vários pontos da pista. O pole position Maurício Reuter perdeu a liderança na largada para Marco Antonio Garcia, mas recuperou-se no decorrer da prova, num “pega” que durou até a bandeirada final, onde eram seguidos por Odair Costa Jr, Anderson Andrade, Marco Aurélio Garcia, Armin Kliewer e Márcio Reuter. Na primeira volta o carro de Richard Heidrich quebrou e o piloto abandonou a corrida. Ao fim de 15 voltas, vitória de Maurício Reuter, na Geral e na Turismo 5.000 “A”, com tempo de 24min36s565, seguido de Marco Antonio Garcia, a 0s180, Odair Costa Jr, a 4s568, Anderson Andrade, a 6s365, Marco Aurélio Garcia, a 9s124, e, Armin Kliewer, a 10s295. Na Turismo 5.000 “B” venceu Márcio Reuter, com tempo de 24min54s348.
A segunda prova das categorias Turismo 5000 “A” e “B”, que largou com o grid invertido foi repleta de emoção até a bandeirada final. Na largada, o pole position Rubens Kliewer manteve a liderança na largada, seguido de perto por Odair Costa Jr, Maurício Reuter, Armin Kliewer, Marco Aurélio Garcia, Marco Antonio Garcia, Richard Heidrich e Márcio Reuter. Na terceira volta, a liderança já era de Odair Costa Jr, seguido de perto por Maurício Reuter e Marco Antonio Garcia. Odair Costa Jr primeiro sofreu pressão de Maurício Reuter e nas voltas finais de Marco Antonio Garcia, mas agüentou firme. Ao fim de 15 voltas, vitória de Odair Costa Jr, na Geral e na Turismo 5.000 “A”, com tempo de 24min41s180, seguido de Marco Antonio Garcia, a 0s410, Maurício Reuter, a 0s826, Marco Aurélio Garcia, a 6s519, Armin Kliewer, a 15s681, e, Rubens Kliewer, a 16s052. Na Turismo 5.000 “B” venceu Márcio Reuter, com 15 voltas completadas no tempo de 24min57s232. A volta mais rápida das duas provas foi de Maurício Reuter, na 3.ª passagem da primeira corrida, com o tempo de 1min36s376, à média de 138.022 km/h.

Corrida categorias Turismo 5000

Corrida categorias Turismo 5000

– Turismo 1.6 –
As categorias Turismo 1.6 “A” e “B”, com 28 participantes, teve a primeira prova muito disputada nas duas categorias. Na categoria “A”, Andrei Carta perdeu a liderança na largada para Felipe Lobo, mas recuperou a posição no decorrer da prova, vindo na “cola” Mitsui Duzanowski, Ernani Rezende Kuhn, Carlos Vaz e Rafael Lupatini. A “briga” entre os três primeiros durou a prova toda, com Andrei Carta e Felipe Lobo andando muito próximos. Depois de 19 voltas, vitória de Andrei Carta na Geral e Turismo 1.6 “A”, com tempo total de 33min50s095, seguido de Felipe Lobo, a 0s298, Carlos Vaz, a 22s425, Rafael Lupatini, a 30s918, Rodrigo Tassi, a 31s757, e em sexto lugar, Ariel Barranco, a 41s474. Na Turismo 1.6 “B” venceu Mitsui Duzanowski, com tempo de 33min50s958, com Ernani Rezende Kuhn em segundo, a 12s652, Danny Berte Jr em terceiro, a 23s853, Cherles Zimmermamm em quarto, a 27s475, Roberto Bonato em quinto, a 32s232, e Wilians Peres em sexto, a 32s972.
Muita disputa também na segunda prova das categorias Turismo 1.6, com Billy Gabardo assumindo a liderança na largada, seguido de perto por Ruslan Carta Filho, Mitsui Duzanowski, Ernani Rezende Kuhn, Marcelo Cordeiro, Stive Tokarski, Richard Heidrich, Danny Berte Jr, Alexandre Frankemberger e Ariel Barranco. O câmbio do carro de Ruslan Carta Filho quebrou e o piloto foi perdendo posições. Ao fim de 20 voltas, vitória de Billy Gabardo na Geral e na Turismo 1.6 “A”, com tempo total de 34min29s572, seguido de Marcelo Cordeiro, a 7s037, Richard Heidrich, a 9s343, Beto Cazuni, a 9s647, Stive Tokarski, a 24s094, e em sexto lugar, Ariel Barranco, a 29s878. Na Turismo 1.6 “B”, vitória de Mitsui Duzanowski, com tempo de 34min30s096, com Danny Berte Jr em segundo, a 24s549, Charles Zimmermamm em terceiro, a 26s427, Rodrigo Gil em quarto, a 29s571, Wilians Peres em quinto, a 29s819, e, André Gaggini em sexto, a 30s044. A volta mais rápida das duas provas foi de Andrei Carta, na 10.ª passagem da primeira corrida, com o tempo de 1min41s711, à média de 130,782 km/h.

Corrida categorias Turismo 1.6

Corrida categorias Turismo 1.6

– Fórmula Premium –
As categorias Fórmula Premium entrou na pista do AIC para a prova de 15 voltas, com dez carros no grid. O Fórmula de Leonardo de Souza, mais potentes, dominou a primeira corrida e venceu de ponta a ponta na Geral e Light, com tempo total de 21min25s956, seguido por Edson Silva, a 1min15s291, Fabiano Sabadin, a 1min46s405, Renan Pietrowski, a uma volta, e, Felipe Ortiz, a duas voltas. Na Premium venceu Alex Morais, com tempo de 21min53s338 e em segundo ficou Agostinho Setti, a 0s248.
Os pilotos da Fórmula Premium foram para a segunda corrida de 15 voltas com grande expectativa entre os sete pilotos inscritos. Novamente o fórmula de Leonardo de Souza, mais potente, dominou a prova. Os fórmulas de Alex Morais, Fernando Sabadin e Felipe Simonini quebraram logo na primeira volta e não pontuaram nesta prova. Após 15 voltas, a vitória na Geral e Light foi de Leonardo de Souza, com tempo de 22min00s504, tendo Luiz Henrique Zornig em segundo, a 25s770, Felipe Ortiz em terceiro, a 30s921, Renan Pietrowski em quarto, a uma volta, e, Edson Silva em quinto, a uma volta. Na Premium venceu Agostinho Setti, com tempo total de 22min04s149. A volta mais rápida das duas provas foi de Leonardo de Souza, na 4.ª passagem da primeira corrida, com tempo de 1min15s733, à média de 175,643 km/h.
A quinta etapa do Metropolitano de Curitiba de Marcas e Pilotos 2014 está marcada para os dias 23 e 24 de agosto, no Autódromo Internacional de Curitiba (AIC).

Corrida categorias Fórmula Premium

Corrida categorias Fórmula Premium

MRT – Assessoria e Comunicação
(41) 9957-2908 – bisponeto@terra.com.br

Em sua 2ª edição, o Rali Paraná é uma das provas que mais cresce no cenário off-road paranaense, e muito aguardada pelas equipes que competem no rali de regularidade. Com a realização do Rali de Inverno, este mês, a competição nos dias 13 e 14, terá como sede pela primeira vez a cidade de Umuarama, também conhecida como a Capital da Amizade.

O certame no noroeste do estado contará pontos para o Campeonato Paranaense de Rali 4×4 de Regularidade, nas categorias Master (principal da competição), Graduados e Júnior. As inscrições estão abertas, e podem ser feitas através do site: www.rallyparana.com.br, por email rallyparana@hotmail.com ou por telefone (43) 9916-0031.

A movimentação em Umuarama tem início na sexta-feira, dia 13, com a realização das vistorias técnicas e administrativas para as equipes na secretaria de prova, na Mercosul Multimarcas, onde também será a recepção e inscrições. No sábado a largada será às 10h01 para o primeiro carro, na Fancar – Concessionária Ford. “Esperamos entre 40 e 50 carros. Queremos dar sequência ao campeonato, fazendo provas divertidas, bem organizadas e técnicas”, disse o diretor geral do Rali Paraná, Vanderlei Hirt.

As equipes inscritas no Rali Paraná irão levantar poeira a partir do sábado (14), em duas especiais e a novidade é a Categoria Cidade para os competidores de Umuarama e região, na qual não é permitido uso de aparelho de navegação integrada ao carro. “Vamos premiar do 1º ao 5º nas quatro categorias. Quero agradecer os competidores que tem prestigiado o Rali Paraná, acreditando que podemos sim ter um campeonato competitivo dentro do nosso Estado”, acrescentou o organizador do rali.

A diversidade de pisos tornará a prova de Umuarama ainda mais emocionante

A diversidade de pisos tornará a prova de Umuarama ainda mais emocionante

CASCAVEL (PR) – O Campeonato Metropolitano de Marcas de Cascavel chega à metade da temporada neste domingo, quando será disputada a 3ª etapa no Autódromo Zilmar Beux. A prova terá promoção e organização do Automóvel Clube de Cascavel, com supervisão da Federação Paranaense de Automobilismo (FPrA).

A programação prevê para amanhã das 9 às 10h20, 1º treino livre do Marcas; das 10h35 às 11h45, 2º treino livre do Marcas; das 13 às 14 horas, 1º treino do Track Day; das 14h10 às 15h10, 3º treino do Marcas; das 15h20 às 16h20, 4º treino do Marcas e das 16h30 às 17h20, 2º treino do Track Day.

Para domingo, a programação é a seguinte: das 9 às 9h30, 5º treino do Marcas; das 9h40 às 10h40, 3º treino do Track Day; das 11 às 11h20, treino classificatório do Marcas; das 11h30 às 12h30, 4º treino do Track Day; às 14 horas, largada da 1ª bateria do Marcas (com 30 minutos, mais duas voltas de duração); das 14h50 às 15h50, 5º treino do Track Day; às 16h15, largada da 2ª bateria do Marcas (30 minutos, mais duas voltas); e das 17 às 17h40, 6º treino do Track Day.

 

Classificação do Metropolitano de Marcas de Cascavel após 2 etapas

Categoria Marcas A

1º) Natan Sperafico/Guilherme Sperafico, com 67 pontos

2º) Thiago Miola Klein, 52

3º) Edoli Caus Júnior, 38

4º) Leandro Zandoná, 34

5º) Lúcio Alan F. Seidel, 28

6º) Vinicius K. Fagundes        , 22

6º) Rodrigo Hernandes Moreno/Luis Rosa Filgueiras, 22

7º) Leônidas Fagundes Júnior, 21

8º) Wanderlei Faust, 10

9º) Luiz Fernando Pielak, com 6 pontos

 

Categoria Marcas B

1º) Erick Fabiano Biscaia, com 69 pontos

2º) Rafael Paiva, 65

3º) Jair José Peason, 46

4º) Anderson Lora Portes, 36

5º) Miguel Ângelo Laste, 33

6º) Alisson Leandro Biscaia, 31

7º) Cleyton Regis Cezarotto, 25

Luciano Paiva, 25

9º) Rodrigo Marcelo Portes, 23

10º) César Augusto Spada, 17

11º) Juliano da Silva, 12

12º) Fernande Valandro/Augusto Baldo Neto, 11

13º) Sandro Luis Moura, 10

14º) Márcio Ocanha/Luiz Pagliato Júnior, sem pontos

 

Categoria Marcas N

1º) Marcos Antônio Cortina   58

2º) Fábio Grenteski       39

Alisson Leandro Biscaia   39

4º) Cléber Fonseca/Jéfferson Fonseca Júnior      36

5º) Aparecido Lima de Morais         34

6º) Raul Haus de Oliveira       22

7º) Silvonir Anderson da Silva        19

8º) Phelype Jean da Silva       15

9º) Luciano Cortina       8

………………………………………………………………………………………………………….

Legenda:

 

O Metropolitano de Cascavel é disputado nas categorias Marcas A, B e N

 

Crédito da foto: Orlei Silva/Divulgação

………………………………………………………………………………………………………….

O Metropolitano de Cascavel é disputado nas categorias Marcas A, B e N

O Metropolitano de Cascavel é disputado nas categorias Marcas A, B e N

CURITIBA (PR) – A Federação Paranaense de Automobilismo (FPrA) e a Força Livre Motorsport farão no próximo dia 7 a premiação aos campeões do Campeonato Paranaense de Arrancada de 402 Metros do ano passado.

A solenidade, seguida de um coquetel, será às 19 horas, no Autódromo Internacional de Curitiba, e fará parte da programação da 2ª etapa da atual temporada. Os três primeiros colocados de todas as categorias receberão troféus.

 

Classificação do campeonato de 2013/pilotos a serem premiados

Categoria Desafio 13,5s

1º) Dalton Busato, com 77 pontos

2º) Alexandre Lummertz Blauth, 64

3º) Ricardo Augusto B. da Fonseca, 45

 

Categoria Desafio 14,5s

1º) Antônio Elemar Schroreder, 99

2º) Andrey Jasper Filho, 97

3º) Paulo Michel Wellner, 42

 

Categoria Standart

1º) Adilson J. Prizybicien, 95

2º) Marcos Bot Ribeiro, 70

3º) Marcos Aurélio Mega, 67

 

Categoria Street Tração Traseira

1º) Geordan Giovanni Chemin, 94

2º) Lucas Soto de Miranda, 70

3º) Pedro Marcos Piska, 52

 

Categoria Dianteira Turbo “C”

1º) Alexandre Magno de Brito, 92

2º) Júlio César Goetten, 79

3º) Dalmo Paes de Abreu, 62

 

Categoria dianteira turbo “B”

1º) Vilson Ferreira, 60

2º) Joacir Giaretta Cordova, 44

3º) Fábio Azevedo da Costa, 42

 

Categoria Dianteira Original

1º) Antônio Ricardo da Silveira, 25

2º) Alessandro José Barranco, 22

 

Categoria Traseira Original

1º) Raul Antônio Correa, 65

2º) Adriano Gomes dos Santos, 57

3º) Thiago Oliveira Ferreira, 43

 

Categoria Turbo Traseira

1º) Celso Bueno de Camargo, 91

2º) Jevan Augusto Dalla Vale, 46

3º) Christiano José Júlio, 28

 

Categoria Dianteira Super

1º) Alberto Ohpis Júnior, 81

2º) Rodrigo Bernieri, 23

3º) Harrison Totti Marques, 22

 

Categoria Traseira Super

1º) Diego Norberto Busato, 72

2º) Márcio Valmor Júlio, 66

3º) Celso Bueno de Camargo, 16

 

Categoria Extreme 10.5

1º) Daniel Ricardo Raniowski, 82

2º) Christiano José Júlio, 56

3º) Adriano Rodrigo Eidam Reis, 46

 

Categoria Dianteira Turbo “A”

1º) William de Souza Pinheiro, 57

2º) Valmor Menegatti Júnior, 37

3º) Edison Cousseau, 36

 

Categoria Força Livre Traseira

1º) Anderson Maltezo, 102

2º) Marcos Mauricio Colere Martins, 90

3º) Anderson Alencar Parize, 32

 

Categoria Força Livre Dianteira

1º) João Roberto Tasso, 88

2º) Ivo Holtz Júnior, 86

3º) Tatiana Perdonsini, 44

 

Categoria Pro Mod

1º) Roderjan Busato, 85

2º) Helder José Gandolfo, 73

3º) Andrey Jasper, 42

 

Categoria Dragster Light

1º) Helder José Gandolfo, 25

2º) Manoel Estefano Castanon, 22

 

Categoria Drag Júnior

1º) Cristiano Vieira Filho, 25

2º) Isabela Porte, 23

3º) Marco Antônio da Silva Porte, com 20 pontos

………………………………………………………………………………………………………….

Legenda:

 

O Paranaense é um dos mais importantes campeonatos de arrancada do Brasil

 

Crédito da foto: Juliano Júlio/Divulgação

………………………………………………………………………………………………………….

O Paranaense é um dos mais importantes campeonatos de arrancada do Brasil

O Paranaense é um dos mais importantes campeonatos de arrancada do Brasil

A 3ª etapa do Campeonato Paranaense de Velocidade na Terra, que estava marcada para amanhã e domingo, em Telêmaco Borba, foi adiada em função do Dia das Mães. A prova será disputada no fim de semana seguinte, dias 17 e 18 deste mês.

marcaspr

brkart

prterra

rali5

arrancadapr402

julho 2020
S T Q Q S S D
« jun    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  
2ª Etapa – Turismo 5000 – 2ª Etapa Paranaense + Metropolitano Curitiba – 2017
2ª Etapa – Turismo – 2ª Etapa Paranaense + Metropolitano Curitiba/Cascavel/Londrina – 2017
2ª Etapa – Marcas – 2ª Etapa Paranaense + Metropolitano Curitiba/Cascavel/Londrina – 2017
1ª Etapa – Marcas – Paranaense + Metropolitano Curitiba/Cascavel/Londrina – 2017
1ª Etapa – Turismo – Paranaense + Metropolitano Curitiba/Cascavel/Londrina – 2017
1ª Etapa – Turismo 5000 – Paranaense + Metropolitano Curitiba – 2017

 

Mais Vídeos Clique AQUI!