Get Adobe Flash player

Sem categoria

O Autódromo Internacional de Curitiba (AIC) recebe neste fim de semana (18 e 19/4) a segunda etapa do Campeonato Metropolitano de Velocidade no Asfalto 2015. O evento do Metropolitano de Curitiba será disputado em duas baterias nas categorias Turismo “A” e “B”, Marcas “A”, “B” e“Sênior” e Turismo 5000 com promoção e organização da Federação Paranaense de Automobilismo (FPrA), com ingresso gratuito ao público. Junto ao evento acontecem ainda duas provas da categoria Sprint Race.

As categorias Turismo 1.6 “A” e “B”, disputada por carros carburados, contaram com 17 participantes na primeira etapa, realizada em duas baterias muito disputadas, mostrando a evolução de pilotos e equipes, que prometem para este fim de semana bons “pegas” e mais carros. Ruslan Carta Filho/Andrei Carta lideram na “A” e Edson Bueno na “B”. Nas categorias Marcas, para carros injetados, divididos em três grupos: “A”, “B” e “Sênior”, conforme graduação do piloto junto à FPrA, a temporada 2015 também iniciou com muitas disputas entre paranaenses e catarinenses, com grandes ultrapassagens e boas provas de recuperação, reunindo 19 participantes. Os líderes são Davi Dal Pizzol na “A”, Richard Heidrich na “B” e Celso Mancia na Sênior. Na categoria Turismo 5000,disputada com Omegas (antigos Stock Car), sendo os carros mais rápidos da etapa, prometem duas provas de “arrepiar” no AIC, com boas disputas entre paranaenses e catarinenses, a liderança é de Armin Kliewer.

No sábado (18/4), serão realizados treinos livres das 8h10 às 11h50 para todas as categorias, vistoria dos carros e Briefing com todos os pilotos, separados por categoria e almoço das 11h55 às 12h25. De tarde, das 12h30 às 12h45, treino classificatório da Turismo 5000. Das 12h50 às 15h30 treinos livres das categorias Marcas, Turismo 1.6 e Sprint Race. Às 15h50 larga a primeira prova daTurismo 5000. Na seqüência, das 16h15 às 17h20, treinos classificatórios das categorias Marcas, Turismo 1.6 e Sprint Race. E no domingo (19/4), o evento acontece das 8h30 às 17 horas, com a segunda corrida da Turismo 5000 e duas provas das categorias Marcas “A”, “B” e “S”, Turismo 1.6 “A” e “B” e Sprint Race, com pódio previsto para as 16 horas.

– Classificação –

Com uma etapa realizada, os três primeiros do Metropolitano de Marcas e Pilotos 2014, por categoria são:

Marcas “A”:
1.º) Davi Dal Pizzol (SC), 34 pontos;
2.º) Valmor Emílio(PR) e Jorge Martelli (SC), 30;
3.º) Beto Cazuni (PR), 29.

Marcas “B”:
1.º) Richard Heidrich (SC), 44;
2.º) Luiz Seidel (PR), 27;
3.º) Stive Tokarski/Jones Salvaro (PR) e Valter de Souza Jr (PR), 26.

Marcas Sênior:
1.º) Celso Mancia (PR), 43;
2.º) Toninho Espolador/Jair Bana (PR), 31;
3.º) Algacir Sermann (PR), 30.

Turismo 1.6 “A”:
1º) Ruslan Carta Filho/Andrei Carta (PR), 39;
2.º) Rafael Mellegari/João Arruda (PR), 31;
3.º) Alexandre Frankemberger/Rafael Lupatini (SC/PR), 30.

Turismo 1.6 “B”:
1.º) Edson Bueno (PR), 39;
2.º) Roberto Nonato (PR), 35;
3.º) Willians Peres (PR), 30. E na

Turismo 5000:
1.º) Armin Kliewer (PR), 31;
2.º) Marco Antonio Garcia (PR) e Odair Costa Jr (SC), 30;
3.º) Maurício Reuter (SC) e Rodrigo Kliewer (PR), 28.

O Autódromo Internacional de Curitiba (AIC) recebe neste fim de semana (21 e 22/3) a primeira etapa do Campeonato Metropolitano de Curitiba de Marcas e Pilotos 2015. O evento de abertura do Metropolitano de Curitiba será disputado em duas baterias nas categorias Turismo “A” e “B”, Marcas “A”, “B” e “Sênior”, Classic (SP) e Turismo 5000, além de duas provas da categoria Fórmula Premium, com promoção e organização da Federação Paranaense de Automobilismo (FPrA).

 

OLYMPUS DIGITAL CAMERA OLYMPUS DIGITAL CAMERA

As categorias Turismo 1.6 “A” e “B”, são disputadas por carros carburados, com pilotos mais experientes na “A” e novatos na “B”, que mais uma vez promete grid cheio com aproximadamente 30 carros na pista do AIC. As categorias Marcas,para carros injetados, os pilotos serão divididos em três grupos: “A”, “B” e “Sênior”, conforme sua graduação junto à FPrA e também tem estimativa de 28 carros em seu grid e a Turismo5000, com os antigos Omega de Stock Car, com 15 participantes aproximadamente. E a categoria Fórmula Premium, que é disputada com fórmulas ou monopostos, divididos em grupos, conforme a graduação dos pilotos e contará com disputas entre 12 carros.

No sábado (21/3), o ingresso é gratuito e o público vai poder acompanhar os treinos livres e classificatórios doMetropolitano de Curitiba, nas categorias Marcas, Turismo 1.6, Classic (SP), Turismo 5000 e Fórmulas. Acontecerão ainda as primeiras provas da Turismo 5000 e Classic (SP), a partir das 16h15. O pódio das primeiras provas desta etapa será realizado às 17h35. E no domingo (22/3), o evento acontece das 8h20 às 16h40, com as demais corridas do Metropolitano de Curitiba, nascategorias Turismo 1.6, Turismo 5000, Classic (SP), Fórmula Premium e Marcas, com pódio previsto para as 16h40.

Os três primeiros do Metropolitano de Curitiba de Marcas e Pilotos 2014 foram:

Marcas “A”: 1.º) Davi Dal Pizzol (SC), 217 pontos (Campeão); 2.º) Ruslan Carta Filho (PR), 207; e 3.º) Valmor Emílio (PR), 192.

Marcas “B”: 1.º) Cláudio Simão/Vinícius Simão (SC), 240 (Campeão); 2.º) Elberto Alves/Rafael Bastos (PR), 233; e 3.º) Marcelo Cancelli (SC), 135.

Marcas Sênior: 1.º) Marcos Ramos (PR), 282 (Campeão); 2.º) José Cordova (PR), 250; e 3.º) Beto Cazuni (PR), 250.

Turismo 1.6 A1.º) Billy Gabardo/Felipe Lobo (PR/SC), 251 (Campeão); 2.º) Ruslan Carta Filho (PR), 226; e 3.º) Andrei Carta (PR), 193.

Turismo 1.6 B1.º) Mitsui Duzanowski (SC), 230 (Campeão); 2.º) Arthur Gaggini Lopes/Fernando Lira Santos (PR), 209; e 3.º) Wilians Peres (PR), 141.

Turismo 5000: 1.º) Maurício Reuter (SC), 244 (Campeão); 2.º) Marco Antonio Garcia (PR), 203; e 3.º) Richard Heidrich (SC), 167.

Fórmula Premium: 1.º) Agostinho Setti da Rocha (PR), 96 (Campeão); 2.º) Alex Sandre Ortega Morais (PR), 95; e 3.º) Felipe Simonini de Oliveira (PR), 52.

Fórmula Premium Light: 1.º) Edson Ferreira da Silva (PR), 95 (Campeão); 2.º) Renan Arruda Pietrowski (PR), 70; e 3.º) Luiz Henrique Zornig (PR), 63.

– Calendário 2015 –

O Campeonato Metropolitano de Curitiba de Marcas e Pilotos 2015, será realizado em oito etapas, com seis delas acontecendo no Autódromo Internacional de Curitiba (AIC), uma em Londrina e outra em Cascavel, nas seguintes datas: 1.ª etapa – 21 e 22 de março (Curitiba); 2.ª etapa – 18 e 19 de abril (Curitiba); 3.ª etapa – 23 e 24 de maio (Londrina); 4.ª etapa – 20 e 21 de julho (Curitiba); 5.ª etapa – 8 e 9 de agosto (Curitiba); 6.ª etapa – 5 e 6 de setembro (Cascavel); 7.ª etapa – 10 e 11 de outubro (Curitiba); e 8.ª etapa – 14 e 15 de novembro (Curitiba). As etapas de Londrina, Cascavel e a oitava etapa do Metropolitano de Curitiba, serão válidas pelo Paranaense de Marcas 2015.

 

 

………………………………………………………………………………………………………….

O seminário para os comissários da região Oeste foi realizado no último fim de semana nas dependências do autódromo de Cascavel

………………………………………………………………………………………………………….

 

CASCAVEL (PR) – A Federação Paranaense de Automobilismo (FPrA) dá sequência à série de seminários para comissários que realiza por todo o Estado. No último fim de semana foi realizado o da região Oeste, nas dependências do autódromo Zilmar Beux, em Cascavel, quando participaram técnicos de Cascavel, Toledo e Foz do Iguaçu.

Segundo Rubens Gatti, presidente da FPrA, os seminários que estão sendo realizados em diversos pontos do estado têm a finalidade de padronizar os procedimentos dos comissários, estabelecer uma forma uniforme de ação e estabelecer uma linha de ação na qual todos dominem os regulamentos das competições promovidas ou supervisionadas pela entidade. “Com estes procedimentos, teremos condições de prestar um melhor serviço aos pilotos”, completa Rubens Gatti.

………………………………………………………………………………………………………….

Legenda:

 

Dirigentes e comissários da região Oeste durante o seminário do último fim de semana em Cascavel

 

Crédito da foto: Orlei Silva/Divulgação

………………………………………………………………………………………………………….

Dirigentes e comissários da região Oeste durante o seminário do último fim de semana em Cascavel

Dirigentes e comissários da região Oeste durante o seminário do último fim de semana em Cascavel

CURITIBA (PR) – Começaram hoje (sexta-feira) as inscrições para a etapa de abertura do Rali Paraná, válido pela primeira etapa do Campeonato Paranaense de Rali de Regularidade 4×4. A prova será em Cascavel, no próximo dia 28, com a realização da 25ª edição do Rali da Meia Noite, uma das competições mais tradicionais do rali paranaense.

As inscrições podem ser feitas pelo site www.rallyparana.webnode.com, nas categorias Máster, Graduados, Júnior e Turismo Light. A categoria Turismo Light é especifica para iniciantes no esporte, proibido o uso de equipamentos integrados de navegação.

A largada do Rali da Meia Noite será por ordem de inscrição. A previsão de largada do primeiro carro será às 16h e a chegada às 20h. A premiação será em troféus para os cinco primeiros colocados de cada categoria. A competição conta com o patrocínio da Cervejaria Providencia, Cia Turismo, Beux Import e Export, Livraria e Papelaria Schuster, PVC Arte e Adesivos, Planeta Festas, Jovem Pan. Mais informações no e-mail contato@rallyecascavel ou pelo telefone

Vander Hirt, o “Fritão” será o responsável pela promoção e organização da competição, que terá apoio técnico do Clube de Rallye de Cascavel e supervisão da Federação Paranaense de Automobilismo (FPrA).

Calendário

Além da primeira etapa, no próximo dia 28, o Campeonato Paranaense de Rali de Regularidade 4×4 terá etapas também em Apucarana, no dia 18 de abril; em Umuarama, no dia 13 de junho; em Curitiba, no dia 28 de agosto, com o Rali Cachorro Louro; e no dia 5 de dezembro, com o Rali da Meia Noite.

………………………………………………………………………………………………………….

Legenda:

 

Eduardo Ortolan e César Valandro formarão uma das duplas que disputarão a etapa de abertura do Campeonato Paranaense de Rali

 

Credito da foto: Orlei Silva/Divulgação

………………………………………………………………………………………………………….

Eduardo Ortolan e César Valandro formarão uma das duplas que disputarão a etapa de abertura do Campeonato Paranaense de Rali

Eduardo Ortolan e César Valandro formarão uma das duplas que disputarão a etapa de abertura do Campeonato Paranaense de Rali

A organização do Raid Transparaná divulgou a primeira lista de inscritos. A 21ª edição do maior rali de regularidade das Américas será disputada de 27 a 31 deste mês, com largada em Maringá e chegada em Guaratuba.

A organização do Transparaná será do Jeep Clube de Curitiba, com supervisão da FPrA (Federação Paranaense de Automobilismo). Serão disputadas as categorias Master, Graduados, Júnior, Jeep e Adventure. Já estão confirmadas duplas do Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, São Paulo e Minas Gerais. As inscrições podem ser feitas no site www.transparana.com.br

 

Inscritos antecipados no 21º Raid Transparaná

Categoria Master

Piloto/Navegador         Carro         Cidade

Rone Branco/Enedir Júnior    Troller        Curitiba

Otavio Enz/Allan Enz   Troller        Apucarana

Roberto Ardigo/Jhonatan Ardigo    Pajero         Apucarana

Hamilton dos Santos Medeiros/Renan      Troller        Curitiba

Vinicius Lustosa Polati/Marcos Evangelista                Pajero         Curitiba

André Pereira de Queiroz/Leandro Ferreira        Troller        Curitiba

Paulo Roberto De Goes/Jhonatan Ardigo Troller        Joinville

Flávio Roberto Kath/Rafain Walendowsky        Troller        Brusque

Leandro Moor/Cláudio Roberto Flores     Troller        Apucarana

André Luiz Pinto/Rafael Prada        Troller        Blumenau

Carlso Henrique Scheffer Júnior/Não confirmado       Pajerinho    Curitiba

Pedro Paulo Oliveira/Rodrigo Peternelli    TR4  Juiz de Fora

Marcos Juliano Alves Bezerra/Marcos      Pajero         Ponta Grossa

José Antônio da Silva/Vagner Antunes da Rosa          L200 Cambé

Alessandro Weirich/Sebastian Loeb Troller        Curitiba

 

Categoria Graduados

Sandro Marcelo Supitz/Eduardo Luiz Ortolan   Pajero         Cascavel

Vinicius Gunha/Paulo Caçamba      Full   Curitiba

Robson Batista/Wilson Batista        Pajero Full  Curitiba

Sandy Ricardo Roncaglio/Rafael Pinto     Troller        Curitiba

Irineu Pedroso/Robson Schuinka     Troller        Cascavel

Victor Pudell/Caio Boscolo    Troller        Toledo

Marcelo Gouveia/Vinicius Passos Cechinato      Troller        Curitiba

José Eduardo Guerra/Marcia Guerra        Pajero Full  Uberlândia

Waldemiro Armindo Veiga/Luís Carlos Zanotti Pajero Full  Joinville

Pietro Branchina Neto/Joaquim Bicudo Filho    TR 4 ER     Valinhos

Marcos Osires Nunes/Marcos Vinicius Nunes    Troller        Curitiba

Reginaldo Melhado/Luiz Bellucci Cavalcanti      Troller        Londrina

 

Categoria Júnior

Reginaldo Cardoso Silva/Mauricio Alcântara    Troller        Sorocaba

André Peres/Jorge Roberto Bronze  Troller        Curitiba

Wilson Boscolo/Hugo Ryan Boscolo        Não divulgado     Toledo

Leonardo Elisandro Batista/Rafael Spagnol       Troller        Cachoeirinha

Edson Luiz Pereira/Lucas Augusto Pereira         Pajero Full  Joinville

Adilson de Melo/Ivan R. Laidens     Troller        Campo Magro

Jose Uebi Maluf/Marcia Luzia Maluf                  TR4  Toledo

José Mateus Gonçalves Carvalho/Vicente Munhoz Neto L200      Cambé

Dirceu Araújo Salla/Leonardo José de Farias     Troller        Curitiba

 

Categoria Jeep

Alvino Messias Júnior/João Boissa Júnior         Willys         Curitiba

Eduardo Pimentel dos Santos/Rodrigo Geronazzo      Willys         Curitiba

Adelar José Goetz/Ricardo Gomes Tissot Willys         Curitiba

 

Categoria Adventure

Michel Lucas Lavezzo/Guilherme Chote   Toyota Bandeirante      Maringá

Os cascavelenses Irineu Pedroso e Robson Schuinka são os atuais campeões da categoria Graduados

Os cascavelenses Irineu Pedroso e Robson Schuinka são os atuais campeões da categoria Graduados

LONDRINA (PR) – O kartismo de Londrina estará em festa amanhã (sábado), com a realização das 100 Milhas de Kart, prova também denominada de “Corrida do Milhão”, um milhão de centavos. Este é o valor da premiação a ser oferecida, quando o campeão ganhará R$ 5 mil; o segundo colocado, R$ 3 mil; e o terceiro colocado, R$ 2 mil. A premiação em dinheiro é oferecida pelo Básico Materiais de Construção e pela Paralego Racing.

A 8ª edição da competição terá promoção e organização da AKRL (Associação dos Kartistas da Região de Londrina), com supervisão da FPrA (Federação Paranaense de Automobilismo). A prova faz parte das comemorações dos 80 anos de Londrina. Os motores serão sorteados pela RBC Preparações e parte do arrecadado com as inscrições serão destinadas à entidades assistências londrinenses. Mais informações pelo e-mail contato@kartlondrina.com.br ou pelo telefone (43) 3347-4182.

 

Vencedores dos anos anteriores

2007 – Sérgio Haishi, Evandro Grossi e Zé Barone

2008 – Luiz Ariji e Aldo Hiroshi

2009 – Lucas Coutinho e Eduardo Maran

2010 – Lucas Coutinho e Eduardo Maran

2011 – Roosevelt Matos e Jurandir

2012 – Lucas do Valle e Maycon Ceribelli

2013 – Carlos SG, Júlio Conti e Gustavo Berti100 milhas - Logo

O fim de semana (8 e 9/11) foi de sol forte em Curitiba e muita disputa nas duas corridas da 8.ª etapa doCampeonato Metropolitano de Curitiba 2014, realizada no Autódromo Internacional de Curitiba (AIC), em Pinhais (PR). A etapa contou com organização e supervisão da Federação Paranaense de Automobilismo (FPrA), onde os campeões por categoria foram: Davi Dal Pizzol (Marcas “A”), Cláudio Simão/Vinícius Simão (Marcas”B”), Marcos da Silva Ramos (Marcas Sênior), Billy Gabardo/Felipe Lobo (Turismo 1.6 “A”) e Mitsui Duzanowski (Turismo 1.6 “B”). O título da Turismo 5000 será decidido na última etapa, nos dias 6 e 7 de dezembro.

– Grids de largada –

Durante os treinos classificatórios que definiram os grids de largada, os três primeiros por categoria foram: Turismo 1.6 “A”: 1.º) Andrei Carta/Ruslan Carta Filho (PR), 1min41s880; 2.º) Felipe Lobo/Billy Gabardo (SC/PR), 1min42s167; 3.º) Rodrigo Kostin/Beto Baú (PR), 1min42s398. Turismo 1.6 “B”: 1.º) Ernani Kunh (SC), 1min42s095; 2.º) Roberto Bonato (PR), 1min42s242; 3.º) Felipe Lira/André Gaggini (SC), 1min42s938. Turismo 5000: 1.º) Richard Heidrich (SC), 58s704; 2.º) Anderson Andrade (PR). 58s787; 3.º) Armin Kliewer (SC), 59s061.Marcas “A”: 1.º) Valmor Emílio Weiss (PR), 1min40s853; 2.º) Davi Dal Pizzol (SC), 1min41s008; 3.º) Ruslan Carta Filho/Andrei Carta (PR), 1min41s044. Marcas “B”: 1.º) Elberto Alves/Rafael Basto (PR), 1min41s333; 2.º) Cláudio Simão/Vinícius Simão (SC), 1min41s716; 3.º) Valter Júnior (SC), 1min47s755. E na Marcas Sênior: 1.º) Beto Cazuni (PR), 1min41s057; 2.º) Marcos Ramos/José Cordova (PR), 1min41s169; 3.º) Toninho Espolador (PR), 1min41s465.

– Turismo 1.6 –

            As categorias Turismo 1.6 “A” e “B”, com 24 participantes, realizando uma primeira prova muito disputada nas duas categorias. Na categoria “A”, Andrei Carta manteve a liderança na largada, seguido de perto Felipe Lobo, Roberto Bonato, Beto Baú, Ariel Barranco e Richard Heidrich. Na 3.ª volta, vários carros se envolveram em acidente no fim da reta obrigando a entrada do “Safety Car”, por duas voltas para a retirada dos veículos. Na relargada, Beto Baú pulou para a liderança, seguido de Felipe Lobo, Andrei Carta, Richard Heidrich, Ariel Barranco e Marcelo Cordeiro. Depois de 18 voltas, vitória de Beto Baú na Geral e Turismo 1.6 “A”, com tempo total de 35min00s068, seguido de Felipe Lobo, a 0s350, Andrei Carta, a 0s596, Marcelo Cordeiro, a 7s626, Richard Heidrich, a 12s265, e em sexto lugar, Rafael Lupatini, a 16s854. Na Turismo 1.6 “B” venceu Arthur Gaggini, com tempo de 35min05s938, com Roberto Bonato em segundo, a 2s274, Danny Berte Jr em terceiro, a 5s899, Charles Zimmermamm em quarto, a 10s340, Willians Peres em quinto, a 13s667, e Rodrigo Geronazzo em sexto, a 18s511.

Muita disputa também foi a segunda prova das categorias Turismo 1.6, com Ruslan Carta Filho assumindo a liderança na largada, seguido de perto por Rodrigo Kostin, Carlos Vaz, Richard Heidrich, Fernando Lira, Willians Peres, Charles Zimmermamm, Roberto Bonato, Alexandre Frankemberger e Jeferson Plothow. Os quatro primeiros fizeram grande “pega” pela liderança da prova e no segundo pelotão mais seis pilotos estavam na “briga” por melhores posições. Rodrigo Kostin levou um toque e rodou no fim da reta, perdendo várias posições. Boa corrida de Ernani Kuhn, que largou da 23.ª colocação e venceu a prova. Ao fim de 19 voltas, vitória de Ernani Rezende Kuhn na Geral e na Turismo 1.6 “B”, com tempo total de 34min06s435, seguido de Roberto Bonato, a 9s579, Willians Peres, a 9s821, José Pederneiras, a 10s049, Fernando Lira, a 15s649, e em sexto lugar, Jeferson Plothow, a 25s724. Na Turismo 1.6 “A”, vitória de Ruslan Carta Filho, com tempo de 34min07s016, com Ariel Barranco em segundo, a 0s848, Carlos Vaz em terceiro, a 4s276, Alexandre Frankemberger em quarto, a 5s239, Richard Heidrich em quinto, a 9s801, e, Edson Sita em sexto, a 16s265. Ernani Rezende Kuhn marcou a volta mais rápida das provas realizadas, na 8.ª passagem da 2.ª corrida, com tempo de 1min41s746, à média de 130,737 km/h.

Prova categorias Turismo

– Turismo 5.000 –

            Na prova da categoria Turismo 5000, no Circuito Oval do AIC, teve nove participantes e boas disputas apesar de poucos carros. O pole position Richard Heidrich manteve a liderança na largada, seguido de perto por Anderson Andrade, Armin Kliewer, Maurício Reuter, Odair Costa Jr e Márcio Reuter. Na volta seguinte, Armin Kliewer perdeu a terceira posição para Maurício Reuter, mas recuperou-se três voltas depois. A “briga” foi boa entre Richard Heidrich e Anderson Andrade até a metade da prova. Outro bom “pega” foi entre Maurício Reuter e Armin Kliewer até a 14.ª volta. Boa prova de recuperação de Marco Antonio Garcia, largando da sétima posição e chegando em terceiro lugar, numa prova com voltas muito rápidas. Ao fim de 22 voltas, vitória de Richard Heidrich na Turismo 5.000, com tempo de 22min02s173, seguido de Maurício Reuter , a 8s000, Marco Antonio Garcia, a 9s734, Marco Aurélio Garcia, a 13s537, Odair Costa Jr, a156s955, e, Rubens Kliewer, a 32s286.

A segunda prova da categoria Turismo 5000, largou com o grid invertido e correndo no Circuito Oval do AIC, foi repleta de emoção até a bandeirada final. Na largada, o pole position Armin Kliewer manteve a liderança, seguido de perto por Márcio Reuter, Anderson Andrade, Odair Costa Jr, Rubens Kliewer, Marco Aurélio Garcia, Maurício Reuter, Richard Heidrich e Marco Antonio Garcia. Na 6.ª volta, os carros de Marco Antonio Garcia e Anderson Andrade se tocaram no fim da reta, obrigando a entrada do safety car, para a retirada dos veículos e atendimento aos pilotos, mas foi apenas um grande susto. Ao fim de 19 voltas, vitória de Armin Kliewer, naTurismo 5.000, com tempo de 22min09s032, seguido de Rubens Kliewer, a 1s893, Maurício Reuter, a 2s420, Márcio Reuter, a 3s005, Odair Costa Jr, a 3s288, e, Marco Aurélio Garcia, a 3s545. A volta mais rápida das duas provas foi de Richard Heidrich, na 20.ª passagem da 1.ª corrida, com o tempo de 59s223, à média de 224.609 km/h.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

– Marcas –

            Reunindo 20 carros em seu grid, a largada da primeira prova das categorias Marcas “A”, “B” e Sênior,aconteceu às 16 horas, com o pole position Valmor Emílio Weiss mantendo a liderança da prova na primeira volta, seguido de Ruslan Carta Filho, Davi Dal Pizzol, Pierre Sabbagh, José Cordova, Beto Cazuni, Rafael Bastos, Cláudio Simão, Toninho Espolador e Gilberto Borges. A “briga” foi muito boa entre os quatro primeiros nas primeiras voltas, com Valmor Emílio Weiss, Davi Dal Pizzol, Ruslan Carta Filho e José Cordova “brigando” pela liderança do início ao fim da prova. Na 15.ª volta, quebrou o cambio do carro de Valmor Emílio, que abandonou a corrida. Em seguida, depois de estar na liderança, furou o pneus traseiro direito do carro de Ruslan Carta Filho, que foi perdendo posições.

Ao fim de 20 voltas, a vitória na Geral e Marcas Sênior foi de José Cordova, com tempo total de 34min24s138, seguido de Beto Cazuni, a 6s206, Toninho Espolador, a 11s081, Gastão Weigert, a 11s802, Luiz Ferreira, a 39s021 e Evandro Maldonado, a 39s935. Na Marcas “A” venceu Davi Dal Pizzol, com o tempo de 34min27s696, com Pierre Sabbagh em segundo, a 0s165, Wanderlei Berlanda Jr em terceiro, a 4s902, Ruslan Carta Filho em quarto, a 11s162, Luiz Filgueiras em quinto, a 30s457, e, Thiago Oliveira em sexto, a 36s055. E naMarcas “B”, vitória de Cláudio Simão, com tempo de 34min32s138, vindo a seguir Rafael Bastos, a 2s906, e, Valter Júnior, a 1min38s039.

Encerrando as disputas da oitava etapa no AIC, na largada da segunda prova das categorias Marcas “A”, “B”e Sênior, Marcos Ramos largou na pole position, mantendo a “ponta” da prova, seguido de Pierre Sabbagh, Davi Dal Pizzol, Beto Cazuni, Vinícius Simão, Wanderlei Berlanda Jr, Ruslan Carta Filho e Valmor Emílio Weiss. A grande “briga” do início da prova, na Marcas “A”, foi entre Ruslan Carta Filho, Davi Dal Pizzol, Pierre Sabbagh e Wanderlei Berlanda Jr pela liderança da categoria. Boa corrida de recuperação de Valmor Emílo Weiss, que largou da 16.ª posição e recebeu a bandeirada final em segundo na Geral e primeiro na Marcas “A”. O safety car entrou na 12.ª volta, para limpar o óleo derramado por uma corro que estourou o motor, ficando por duas voltas na pista.

Ao fim de 17 voltas, a vitória na Geral e na Marcas Sênior foi de Marcos Ramos, com tempo total de 33min58s797, seguido de Beto Cazuni, a 1s750, Algacir Sermann Filho, a 15s164, Luiz Ferreira, a 20s351, Evandro Maldonado, a 35s174, e, Karl Rauscher, a 43s956. Na Marcas “A” venceu Valmor Emílio Weiss, no tempo total de 34min00s244, com Davi Dal Pizzol em segundo, a 0s106, Ruslan Carta Filho em terceiro, a 0s329, Pierre Sabbagh, a 0s511, Wanderlei Berlanda Jr, a 9s699, e, Thiago Oliveira, a 20s840. E na Marcas “B”, vitória de Vinícius Simão, com tempo de 34min16s561, vindo a seguir Elberto Alves, a 10s922, e, Valter Júnior, a 46s115. A volta mais rápida das duas provas foi de Valmor Emílio Weiss, na 11.ª passagem da 2.ª corrida, com o tempo de 1min41s054, à média de 131,633 km/h.

Prova categorias Marcas

O próximo evento da modalidade será o Festival Brasileiro de Marcas 1.6 2014, que está marcada para os dias 5, 6 e 7 de dezembro, no Autódromo Internacional de Curitiba (AIC).

 

 

MRT – Assessoria e Comunicação

(41) 9957-2908 – bisponeto@terra.com.br

Fotos: Nei Quadros

O fim de semana (11 e 12/10) foi de decisão em Curitiba, durante as disputas das rodadas duplas da 7.ª etapa do Metropolitano de Curitiba e da terceira etapa doParanaense de Marcas e Pilotos 2014, no Autódromo Internacional de Curitiba (AIC), em Pinhais (PR). A etapa foi disputada nas categorias Marcas “A”, “B” e Sênior, Turismo “A” e “B” e Fórmula Premium, onde foram revelados os primeiros campeões da temporada 2014, com organização e supervisão da Federação Paranaense de Automobilismo (FPrA).
– Grids de largada –
Durante os treinos classificatórios que definiram os grids de largada, os três primeiros por categoria foram: Marcas “A”: 1.º) Davi Dal Pizzol (SC), 1min40s717; 2.º) Ruslan Carta Filho/Andrei Carta (PR), 1min41s196; 3.º) Valmor Emílio Weiss (PR), 1min41s312. Marcas “B”: 1.º) Elberto Alves/Rafael Basto (PR), 1min41s575; 2.º) Natan Sperafico (PR), 1min42s889; 3.º) Vinícius Simão/Cláudio Simão (SC), 1min43s091. Marcas Sênior: 1.º) Marcos Ramos/José Cordova (PR), 1min41s386; 2.º) Beto Cazuni (PR), 1min41s775; 3.º) Algacir Sermann Filho (PR), 1min41s903. Turismo 1.6 “A”: 1.º) Billy Gabardo/Felipe Lobo (PR/SC), 1min42s157; 2.º) Carlos Vaz/Marcelo Cordeiro (PR), 1min42s500; 3.º) Richard Heidrich (SC), 1min42s524. Turismo 1.6 “B”: 1.º) Mitsui Duzanowski (SC), 1min42s600; 2.º) Felipe Santos/André Gaggini (SC), 1min42s992; 3.º) Roberto Bonato (PR), 1min43s243. Fórmula Premium Light: 1.º) Edson Ferreira (PR), 1min25s581; 2.º) Renan Pitrowski (PR). 1min26s247; 3.º) Luiz Abbade (PR), 1min52s811. E Fórmula Premium:1.º) Dario Lintz (PR), 1min29s652; 2.º) Alex Morais (PR), 1min31s666; e 3.º) Agostinho Setti (PR), 1min34s350.
– Turismo 1.6 –
primeira prova das categorias Turismo 1.6 abriu o dia de velocidade no AIC, às 10h15, com 26 participantes, o pole position Felipe Lobo manteve a liderança na largada, seguido de perto por Carlos Vaz, Richard Heidrich, Mitsui Duzanowski, Rafael Lupatini, Ruslan Carta Filho, Fernando Lira, Beto Baú, Roberto Bonato e Eduardo Pavelski. Com o bom rendimento do carro Ruslan Carta Filho assumiu a quarta posição na primeira volta, pulando para o 3.º lugar na volta seguinte. Felipe Lobo, Richard Heidrich e Ruslan Carta Filho se firmaram nas três primeiras posições deixando a “briga” para o segundo pelotão. Bom “pega” entre Carlos Vaz, Rafael Lupatini e Stive Tokarski pela quarta posição. Ao fim de 20 voltas, vitória de Felipe Lobo na Geral e na Turismo 1.6 “A”, com tempo total de 34min31s963, seguido de Richard Heidrich, a 6s745, Ruslan Carta Filho, a 11s997, Carlos Vaz, a 12s827, Rafael Lupatini, a 13s425, e em sexto lugar, Rodrigo Tassi, a 38s508. NaTurismo 1.6 “B”, vitória de Eduardo Pavelski, com tempo de 34min46s636, com Fernando Lira em segundo, a 1s525, Júnior Niju em terceiro, a 13s358, Danny Berte Jr em quarto, a 23s402, Sílvio Torres em quinto, a 36s004, e, José Pederneiras em sexto, a 38s951.
Na parte da tarde, a segunda corrida das categorias Turismo 1.6 aconteceu a partir das 15h05, com  Billy Gabardo largando na pole position e perdendo a liderança da prova para Richard Heidrich caindo para o quarto lugar. Na primeira volta os seis primeiros colocados eram Richard Heidrich, Ruslan Carta Filho, Marcelo Cordeiro, Billy Gabardo, André Gaggini e Danny Berte Jr. Bom “pega” pela liderança da prova entre Heidrich e Ruslan Filho até a sétima volta. Depois disso Ruslan Filho perdeu duas posições, caindo para a quarta posição. Billy Gabardo assumiu a liderança da prova na 11.ª volta, onde permaneceu até a bandeirada final. Depois de 20 voltas completadas, vitória de Billy Gabardo na Geral e naTurismo 1.6 “A”, com tempo total de 34min31s754, seguido de Richard Heidrich, a 2s780, Ruslan Carta Filho, a 16s342, Marcelo Cordeiro, a 23s950, Rodrigo Tassi, a 27s150, e, em sexto lugar, André Neto, a 1min14s620. Na Turismo 1.6 “B”, venceu André Gaggini, com tempo de 34min35s680, tendo Júnior Niju em segundo, a 21s811, Mitsui Duzanowski em terceiro, a 29s630, Rafael Bastos em quarto, a 30s827, Willians Peres em quinto, a 51s342, e, José Pederneiras em sexto, a 51s966. Mitsui Duzanowski marcou a volta mais rápida das duas provas, na 11.ª passagem da segunda corrida, com o tempo de 1min42s421, à média de 130,051 km/h.
– Fórmula Premium –
O menor grid da etapa, com seis carros, foi da categoria Fórmula Premium, que teve a primeira prova, às 11h15, com o pole position Edson Ferreira mantendo a liderança na largada, seguido de Dário Lintz, Renan Pitrowski, Luiz Abbade e Alex Morais. Edson Ferreira liderou por oito voltas, quando passou a ter problemas e abandonou a corrida na volta seguinte. Renan Pietrowski assumiu a primeira posição, onde permaneceu até a bandeirada final. Ao fim de 15 voltas, vitória de Renan Pietrowski, na Geral Fórmula Premium Light, com tempo de 22min04s169, seguido de Luiz Abbade, a 4s315. Na Fórmula Premium venceu Thiago Muriel, com tempo total de 22min20s754, tendo Agostinho Setti em segundo lugar, a 43s972. Na segunda prova das categoriasFórmula Premium, somente com quatro carros, Renan Pietrowski largou na frente e venceu de ponta a ponta, sem tomar conhecimento de seus adversários. Depois de 15 voltas, nova vitória de Renan Pietrowski na Geral eFórmula Premium Light, com tempo total de 21min50s247, seguido de Edson Ferreira, a seis voltas. Na Fórmula Premium venceu Thiago Muriel, com tempo de 22min10s244, tendo Agostinho Setti em segundo, a 14s790. A volta mais rápida das provas realizadas foi de Edson Ferreira, na 5.ª passagem da segunda prova, com o tempo de 1min25s523, à média de 155.748 km/h.
– Marcas –
Reunindo 26 carros em seu grid, a largada da primeira prova das categoriasMarcas “A”, “B” e Sênior, aconteceu às 16h35 do sábado (11/10), com o pole position Davi Dal Pizzol mantendo a liderança da prova na primeira volta, seguido de Ruslan Carta Filho, Marcos Ramos, Valmor Emílio, Rafael Bastos, Eduardo Berlanda, Marcael Rodrigues, Luiz Filgueiras, Wanderlei Berlanda Jr e Natan Sperafico. A “briga” foi muito boa entre os quatro primeiros nas primeiras voltas, com Davi Dal Pizzol e Ruslan Carta Filho “brigando” pela liderança até a bandeirada final. Na 6.ª volta, quebrou a embreagem do carro de Marcos Ramos, que perdeu cinco posições até a bandeirada final. Ao fim de 20 voltas, a vitória na Geral Marcas “A” foi de Davi Dal Pizzol, com tempo total de 34min00s352, seguido de Ruslan Carta Filho, a 0s609, Marcel Sedano, a 4s420, Valmor Emílio, a 11s168, Wanderlei Berlanda Jr, a 21s240 e Luiz Filgueiras, a 25s804. Na Marcas “B” venceu Rafael Bastos, com o tempo de 34min22s276, com Natan Sperafico em segundo, a 14s345, Cláudio Simão em terceiro, a 17s931, e, Luiz P. Júnior em quarto, a uma volta. E na Marcas Sênior, vitória de Marcos Ramos, com tempo de 34min31s237, vindo a seguir Beto Cazuni, a 5s785, Algacir Sermann Filho, a 8s045, Marcelo Karan, a 32s871, Celso Mancia, a 32s989, e, Evandro Maldonado, a 50s212. A volta mais rápida da prova foi de Marcel Rodrigues, na 15.ª passagem, com o tempo de 1min41s059, à média de 131,804 km/h.
Com sol forte, a largada da segunda prova das categorias Marcas “A”, “B” e Sênior,aconteceu às 12h05 de domingo (12/10), com Davi Dal Pizzol que largou na pole position mantendo a liderança, seguido de perto por Andrei carta, Marcel Sedano, Valmor Emílio, José Cordova e Wanderlei Berlanda Jr. Na segunda volta Marcel Sedano assumiu o segundo lugar, com Valmor Emílio em terceiro e Wanderlei Berlanda Jr em quarto. Na quinta volta, Valmor Emílio assumiu o segundo lugar e passou a acelerar forte às “caça” do líder. Na 12.ª volta Valmor Emílio assumiu a liderança e passou a travar bom “pega” com Davi Dal Pizzol pelo primeiro lugar. Ao fim de 20 voltas, a vitória na Geral e na Marcas “A” foi de Valmor Emílio Weiss, com tempo total de 34min03s850, seguido de Davi Dal Pizzol, a 1s620, Andrei Carta, a 10s136, Marcel Sedano, a 14s464, Wanderlei Berlanda Jr, a 17s325, e, Luiz Filgueiras, a 29s386. Na Marcas “B” venceu Erbano Alves, no tempo total de 34min30s505, com Valter Júnior em segundo, a uma volta, e, Marcos Oconha em terceiro, a duas voltas. E na Marcas Sênior, vitória de José Cordova, com tempo de 34min24s596, vindo a seguir Celso Mancia, a 46s220, Gilberto Borges, a 52s129, Klaus Rauscher, a uma volta, e, Beto Cazuni, a três voltas. A volta mais rápida da prova foi de Valmor Emílio Weiss, na 4.ª passagem, com o tempo de 1min41s319, à média de 131,466 km/h.
– Classificação do Paranaense –
Com três rodadas duplas realizadas e o descarte de uma prova, a classificação final do Paranaense 2014 foi a seguinte:
Marcas:
1.º) Davi Dal Pizzol (SC), 71 pontos;
Campeão do Marcas nº 72 - Davi Dal Pizzol
2.º) Ruslan Carta Filho (PR), 61;
3.º) Michel Cristian Giusti (SC), 56.
Turismo 1.6:
1.º) Felipe Lobo/Billy Gabardo (SC/PR), 90;
Campeão da Turismo - nº 27 - Billy Gabardo e Felipe Lobo
2.º) Mitsui Duzanowski (SC), 80; e
3.º) Ruslan Carta Filho (PR), 79.
A oitava e última etapa do Metropolitano de Curitiba de Marcas e Pilotos 2014 está marcada para os dias 7, 8 e 9 de novembro, no Autódromo Internacional de Curitiba (AIC).

MRT – Assessoria e Comunicação 
(41) 9957-2908 – bisponeto@terra.com.br

Num fim de semana (20 e 21/9) de muita velocidade em Londrina, foi realizada a 6.ª etapa do Metropolitano de Curitiba junto com a 5.ª etapa do Metropolitano de Londrina, no Autódromo Ayrton Senna, no Norte do Paraná. A etapa valeu ainda pela segunda rodada do Paranaense de Marcas e Pilotos 2014, e, foi disputada nas categorias Marcas “A”, “B” e Sênior, Turismo 5000 e Turismo 1.6 “A” e “B”, mais duas provas da Sprint Race e uma da Spyder Race com organização do Automóvel Clube do Café e supervisão da Federação Paranaense de Automobilismo (FPrA).

– Grids de largada –

Durante os treinos classificatórios que definiram os grids de largada, os três primeiros por categoria foram: Marcas “A”: 1.º) Ruslan Carta Filho (PR), 1min30s185; 2.º) Michel Giusti (SC), 1min30s867; 3.º) Eduardo Berlanda (SC), 1min31s008. Marcas “B”: 1.º) Vinícius Simão/Cláudio Simão (SC), 1min31s137; 2.º) Natan Sperafico (PR), 1min31s759; 3.º) Marcelo Cancelli (SC), 1min32s403. Marcas Sênior: 1.º) Marcos Ramos/José Cordova (PR), 1min30s554; 2.º) Beto Cazuni (PR), 1min31s267; 3.º) Algacir Sermann Filho (PR), 1min34s275. Turismo 5000 “A”: 1.º) Maurício Reuter (SC), 1min24s959; 2.º) Marco Antonio Garcia (PR), 1min24s991; 3.º) Armin Kliewer (SC), 1min25s472. Turismo 1.6 “A”: 1.º) Stive Tokarski (PR), 1min32s136; 2.º) Ruslan Carta Filho (PR), 1min32s247; 3.º) Billy Gabardo/Felipe Lobo (PR/SC), 1min33s076. Turismo 1.6 “B”: 1.º) Mitsui Duzanowski (SC), 1min32s170; 2.º) Felipe Santos/André Gaggini (SC), 1min32s349; 3.º) Ernani Rezende Kunh (SC), 1min32s517.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

– Marcas –

Reunindo o maior grid da etapa com 24 carros, a largada da primeira corrida das categorias Marcas “A”, “B” e Sênior, com o pole position Márcio Imagawa mantendo a liderança da prova na primeira volta, seguido de Mário Bonilha, Ruslan Carta Filho, José Cordova, Michel Giusti, Eduardo Berlanda, Davi Dal Pizzol e Rodrigo Pfeifer. A “briga” foi muito boa entre os seis primeiros nas primeiras voltas, com Cordova e Imagawa “brigando” pela liderança até a bandeirada final. Na 13.ª volta, José Cordova assumiu a ponta da corrida para não mais perdê-la. Ao fim de 21 voltas, a vitória na Geral e Marcas Sênior foi de José Cordova, com tempo total de 34min28s557, seguido de Beto Cazuni, a 14s350 e Algacir Sermann Filho, a 25s593. Na Marcas “A” venceu Ruslan Carta Filho, com o tempo de 34min32s739, com Michel Giusti em segundo, a 1s123, Eduardo Berlanda em terceiro, a 1s758, Davi Dal Pizzol em quarto, a 3s621, e, Wanderlei Berlanda Jr em quinto lugar, a 9s857. E na Marcas “B”, vitória de Natan Sperafico, com tempo de 34min48s609, vindo a seguir Vinícius Simão, a 0s800, Fernando Miranda, a 10s578, e em quarto lugar, Adriano Milani, a 33s249.

Na largada da segunda prova das categorias Marcas “A”, “B” e Sênior, Marcos Ramos largou na pole position, mas perdeu a “ponta” da prova, pois seu carro ficou parado no grid, perdendo várias posições. Com isso, Márcio Imagawa assumiu a liderança na primeira volta, seguido de Ruslan Carta Filho, Michel Giusti, Eduardo Berlanda, Davi Dal Pizzol, Lucas Inoue e Wanderlei Berlanda. A grande “briga” do início da prova, na Marcas “A”, foi entre Ruslan Carta Filho, Michel Giusti, Eduardo Berlanda e Davi Dal Pizzol pela liderança da categoria. Boa corrida de recuperação de Valmor Emílo Weiss, que largou da última posição (24.º lugar) e recebeu a bandeirada final em quinto na Geral e terceiro na Marcas “A”. Ao fim de 22 voltas, a vitória na Geral foi de Márcio Imagawa, com tempo total de 33min35s698, Na Marcas “A” venceu Michel Giusti, com tempo total de 33min39s307, seguido de Ruslan Carta Filho, a 2s036, Valmor Emílio Weiss, a 3s724, Luiz Filgueiras, a 14s026, Wanderlei Berlanda, a 21s918, e, Eduardo Berlanda, a 45s814. Na Marcas “B” venceu Natan Sperafico, no tempo total de 33min42s305, com Rafael Bastos em segundo, a 38s432, e, Fernando Miranda em terceiro, a duas voltas. E na Marcas Sênior, vitória de Beto Cazuni, com tempo de 34min19s490, vindo a seguir Marcos Ramos, a 2s708, e, Algacir Sermann Filho, a 7s067. A volta mais rápida das duas provas foi de José Cordova, na 14.ª passagem da primeira corrida, com o tempo de 1min30s092, à média de 122,075 km/h.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

– Turismo 1.6 –

As categorias Turismo 1.6 “A” e “B”, com 19 participantes, tiveram uma primeira corrida muito disputada nas duas categorias. Na categoria “A”, Stive Tokarski manteve a liderança na largada, seguido de perto Mitsui Duzanowski, Ruslan Carta Filho, André Gaggini, Danny Berte Jr e Felipe Lobo. A “briga” entre os três primeiros durou a prova toda, com os pilotos Tokarski, Duzanowski e Carta Filho andando muito próximos. Duzanowski assumiu a liderança da Geral na 15.ª passagem e Carta Filho passou para o primeiro lugar da categoria “A” na 20.ª volta. Depois de 22 voltas, vitória de Mitsui Duzanowski na Geral e Turismo 1.6 “B”, com tempo total de 34min00s837, seguido de André Gaggini, a 9s916, Rafael Bastos, a 24s199, Willians Peres, a 36s204, Adriano Barbosa, a 38s361, e em sexto lugar, James Schwerdtner, a 1min28s823. Na Turismo 1.6 “A” venceu Ruslan Carta Filho, com tempo de 34min01s311, com Stive Tokarski em segundo, a 0s317, Richard Heidrich em terceiro, a 24s366, Marcelo Cordeiro em quarto, a 39s295, Alexandre Frankemberger em quinto, a 40s121, e Rodrigo Tassi em sexto, a 1min14s764.

Muita disputa também na segunda prova das categorias Turismo 1.6, com Ruslan Carta Filho assumindo a liderança na largada, seguido de perto por Mitsui Duzanowski, Stive Tokarski, Fernando Lira, Richard Heidrich, Adriano Barbosa, Rafael Lupatini, Carlos Vaz, Beto Baú e Billy Gabardo. O carro de Ruslan Carta Filho começou a perder rendimento na oitava volta, caindo para o 12.º lugar. Mas o piloto consegui se manter na pista e recuperou três posições. Boa corrida de Billy Gabardo, que largou da 14.ª oisuções e recebeu a bandeirada final em quinto lugar na Geral. Ao fim de 22 voltas, vitória de Stive Tokarski na Geral e na Turismo 1.6 “A”, com tempo total de 34min16s401, seguido de Richard Heidrich, a 7s789, Beto Baú, a 12s251, Billy Gabardo, a 14s632, Ruslan Carta Filho, a 47s970, e em sexto lugar, Rafael Lupatini, a 49s660. Na Turismo 1.6 “B”, vitória de Mitsui Duzanowski, com tempo de 34min17s158, com Danny Berte Jr em segundo, a 34s064, Daniel Bastos em terceiro, a 36s196, Willians Peres em quarto, a 38s079, James Schwerdtner em quinto, a 59s701, e, Júnior Niju em sexto, a 1min18s490. Felipe Lobo marcou a volta mais rápida das duas provas, na 8.ª passagem da primeira corrida, com o tempo de 1min31s649, à média de 120,001 km/h.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

– Turismo 5.000 –

Na primeira corrida da categoria Turismo 5000, de 20 minutos mais duas voltas, teve oito participantes e boas disputas apesar de poucos carros. O pole position Maurício Reuter manteve a liderança na largada e passou a abrir vantagem para os demais concorrentes. Marco Antonio Garcia perdeu a segunda posição para Armin Kliewer na largada, mas recuperou-se duas voltas depois, consolidando-se na segunda posição, seguido de perto por Armin Kliwer. No segundo “pelotão” a briga era boa entre Richard Heidrich, Marco Aurélio Garcia, Anderson Andrade e Rubens Kliewer. Ao fim de 16 voltas, vitória de Maurício Reuter na Turismo 5.000, com tempo de 22min55s314, seguido de Marco Antonio Garcia, a 2s799, Armin Kliewer, a 5s467, Richard Heidrich, a116s169, Marco Aurélio Garcia, a 23s709, e, Odair Costa Jr, a 28s350.

A segunda prova da categoria Turismo 5000, que largou com o grid invertido foi repleta de emoção até a bandeirada final. Na largada, o pole position Anderson Andrade perdeu a liderança na primeira volta, para Odair Costa Jr, caindo para a quarta posição. Com oito voltas de corrida, a liderança era de Odair Costa Jr, seguido por Marco Antonio Garcia, Marco Aurélio Garcia, Maurício Reuter, Armin Kliewer, Richard Heidrich e Rubens Kliewer. Na 10.ª volta, Marco Antonio Garcia teve probelmas com seu carro, caindo para a quarta posição. Ao fim de 16 voltas, vitória de Odair Costa Jr, na Turismo 5.000, com tempo de 23min25s236, seguido de Maurício Reuter, a 0s585, Marco Aurélio Garcia, a 0s794, Marco Antonio Garcia, a 1s360, Richard Heidrich, a 1s549, e, Rubens Kliewer, a uma volta. A volta mais rápida das duas provas foi de Marco Antonio Garcia, na 5.ª passagem, com o tempo de 1min25s171, à média de 129.128 km/h.

A sétima etapa do Metropolitano de Curitiba de Marcas e Pilotos 2014 está marcada para os dias 11 e 12 de outubro, no Autódromo Internacional de Curitiba (AIC).

MRT – Assessoria e Comunicação

(41) 9957-2908 – bisponeto@terra.com.br

CAPITÃO LEÔNIDAS MARQUES (PR) – A cidade de Capitão Leônidas Marques, na região Oeste do Paraná, recebe domingo (dia 21/9), as 4ª e 5ª etapas da Copa Paraná de Velocidade na Terra. A promoção e organização será da Federação Paranaense de Automobilismo (FPrA), com apoio da secretaria de esportes da Prefeitura de Capitão.

A Copa Paraná de Velocidade na Terra é disputada nas regiões Oeste e Sudoeste do Paraná, como opção para os pilotos que não podem participar do Campeonato Paranaense em função de deslocamentos para as regiões Norte e Sul.

 

Classificação da Copa Paraná após as etapas de Foz e Assis Chateaubriand

Categoria Kartcross

1º) Leonardo Magro (Palotina), com 47 pontos

2º) Dirceo Mascarello (Missal), 41

3º) Ademar Kuhs (Toledo), 40

4º) Ébano Pimenta (Toledo), 37

5º) Juliano Arcoverde (Toledo), 27

Vitor Elert (Toledo), 27

7º) Anderson Moresco (Missal), 23

Valdinei Denig (Assis Chateaubriand), 23

9º) Maycon Chini (Toledo), 17

10º) Romeu Wiebrantz (Marechal Cândido Rondon), com 10 pontos

 

Categoria Marcas

1º) André Soffa (Marechal Cândido Rondon), com 55 pontos

2º) Ronaldo Silva (Palotina), 54

3º) Rodrigo Laralde (Capanema), 47

4º) Clóvis Schmidt (Marechal Cândido Rondon), 26

5º) Juraci Silva (Palotina), 20

6º) Vitor André Oliveira (Capanema), com 14 pontos

 

Categoria Fórmula Tubular

1º) Jaime Pohl (Toledo), com 64 pontos

2º) Maicon Bombana (Toledo), 56

3º) Marcos Lohmann (Marechal Cândido Rondon), 32

4º) Sidnei Basegio (Toledo), com 16 pontos

………………………………………………………………………………………………………….

Legenda:

 

Capitão irá esquentar a briga pelo título da categoria Kartcross

 

Crédito da foto: Juliano Julio/Divulgação

………………………………………………………………………………………………………….

Juliano Julio

Capitão irá esquentar a briga pelo título da categoria Kartcross

marcaspr

brkart

prterra

rali5

arrancadapr402

junho 2020
S T Q Q S S D
« abr    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930  
2ª Etapa – Turismo 5000 – 2ª Etapa Paranaense + Metropolitano Curitiba – 2017
2ª Etapa – Turismo – 2ª Etapa Paranaense + Metropolitano Curitiba/Cascavel/Londrina – 2017
2ª Etapa – Marcas – 2ª Etapa Paranaense + Metropolitano Curitiba/Cascavel/Londrina – 2017
1ª Etapa – Marcas – Paranaense + Metropolitano Curitiba/Cascavel/Londrina – 2017
1ª Etapa – Turismo – Paranaense + Metropolitano Curitiba/Cascavel/Londrina – 2017
1ª Etapa – Turismo 5000 – Paranaense + Metropolitano Curitiba – 2017

 

Mais Vídeos Clique AQUI!